Take a fresh look at your lifestyle.

105 produtores são atendidos em Codajás através dos projetos prioritários do açaí e da banana

-publicidade-

A unidade local do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam) do município de Codajás (a 240 quilômetros de Manaus) atendeu, neste ano, 105 produtores através dos Projetos Prioritários do Açaí e da Banana, além de cursos de capacitação e palestras de unidades demonstrativas que estão sendo implantados para que o agricultor familiar possa aperfeiçoar suas técnicas de plantio e tecnologias. Os projetos auxiliam os produtores do município desde 2019. Vale destacar que, de janeiro até este mês de novembro, a unidade local do Idam, em Codajás, atendeu e assistiu 1.237 agricultores familiares e produtores rurais.

De acordo com a gerente da unidade local do Idam de Codajás, Valderline de Souza, o Projeto Prioritário do Açaí iniciou com 20 agricultores e, hoje, beneficia 85. “A expectativa é atender, até o ano que vem, 230 produtores. Atualmente, atendemos 20 pessoas no Projeto Prioritário da Banana onde foi realizado um curso ministrado pelo agrônomo do Idam central, Selmo Andrade”, contou.

O processo de seleção dos projetos prioritários do município foi feito através do potencial agrícola existente no mercado do município. Os produtores que participam são das comunidades de Urucuri, Salsa, Muritiba, Formoso e a sede do município.

A gerente diz ainda que, “o papel do Idam é fundamental para que os agricultores familiares, envolvidos no processo, tenham um ótimo resultado de plantio e colheita para ter um bom rendimento do seu cultivo e melhorar sua vida no campo, onde a importância desses projetos é desenvolver cada vez mais essas cadeias que se destacam no mercado do município”.

Cursos – Em Codajás, além do açaí e da banana, existem mais três projetos prioritários: o de fibras, madeira e pesca. Por meio deles, são realizados cursos de capacitação, bem como palestras voltadas a cada área, as quais acontecem duas vezes por mês. Os cursos e as palestras estão sendo realizadas no auditório da Escola Municipal Maria Braga.

O último curso ministrado foi o de Boas Práticas Agrícolas para o Cultivo da Banana, que aconteceu no período de 22 a 25 de setembro. “Ainda há um curso do projeto prioritário de pesca que está marcado para acontecer de 2 a 6 de dezembro. Este ano, em Codajás, tivemos três capacitações desse projeto”, informou Valderline de Souza.

PAA – Dos produtores inscritos nos projetos prioritários de Codajás, cinco deles foram aprovados para comercializar seus produtos no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e eles fazem parte dos projetos de açaí, banana e pesca. Na próxima quarta-feira (02/12), a unidade estará entregando os produtos agrícolas.

A gerente explica ainda que, dos produtores que participam desse projeto, buscou-se priorizar os que estão registrados no Cadastro da Agricultura Familiar (CAF), sendo que 25 cadastros foram analisados e estão no Núcleo de Geoprocessamento do Idam.

FOTO: Divulgação/Idam

-publicidade-