Take a fresh look at your lifestyle.

140 animais foram resgatados nos primeiros meses de 2020 pelo Batalhão Ambiental

-publicidade-

Nos dois primeiros meses deste ano, 140 animais silvestres foram resgatados pelo Batalhão Ambiental da Polícia Militar do Amazonas. Por espécie, foram resgatados 62 aves, 32 mamíferos, 23 répteis e 23 quelônios. No ano passado, o Batalhão alcançou número recorde de resgates: foram 676 animais, o triplo do registrado em 2018.

Preguiças, periquitos, jacarés e cobras estão entre os animais mais resgatados pelo Batalhão Ambiental. Entre o total de resgatados, quatro animais eram considerados em extinção pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). São espécies como peixe-boi da Amazônia, macaco-aranha e macaco-prego.

Animais resgatados que necessitam de cuidados médicos, como os que são mantidos em cativeiros e que se encontram debilitados ou feridos, são conduzidos para atendimento veterinário. Para isso, o Batalhão também atua em parceria com equipes médicas compostas por veterinários e enfermeiros.

Dema – A Delegacia Especializada em Crimes contra o Meio Ambiente (Dema), da Polícia Civil, atua em parceria com o Batalhão Ambiental.

Conforme o artigo 29 do Código Ambiental, matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou em rota migratória, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente, ou em desacordo com a obtida, pode resultar em detenção de seis meses a um ano e multa.

Denúncia – Para denúncias ou pedidos de resgate, a população pode entrar em contato pelo telefone do Batalhão Ambiental da Polícia Militar, que atende pelo telefone (92) 98842-1553. O número da Dema é o (92) 99962-2340. As denúncias também podem ser feitas ao 181, o disque-denúncia da SSP-AM.

FOTO: Divulgação e Tabajara Moreno/SSP-AM

-publicidade-