Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

26 brigadistas são formados para reforçar combate às queimadas em Lábrea

Município está entre os três mais afetados por focos de incêndio

O município de Lábrea, a 702 quilômetros de Manaus, no sul do Amazonas, passa a contar com 26 brigadistas florestais para apoiar o combate a focos de queimadas. A formação – promovida por meio de parceria entre a Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema), o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), a Defesa Civil do Estado e a prefeitura de Lábrea – iniciou dia 03 de maio e foi concluída na sexta-feira (07/05).

Esta é a primeira formação de brigadistas em 2021. A atividade faz parte das estratégias do Comitê do Plano de Prevenção e Combate ao Desmatamento e às Queimadas do Amazonas (PPCDQ-AM), coordenado pela Sema. A proposta é que os brigadistas atuem no suporte local à prevenção de incêndios, em articulação com as equipes da Operação Integrada Tamoiotatá.

“Esse é um município que figura entre os três mais afetados por focos de incêndio e a gente chegou no intuito de treinar essas pessoas para amenizar o máximo possível essas ocorrências. Todos tiveram uma dedicação muito grande e, com certeza, vão contribuir muito nesta região”, afirmou o tenente Fabiano Vieira, representante da Defesa Civil do Amazonas, que conduziu o treinamento.

O curso teve carga horária total de 40 horas, entre aulas teóricas e práticas. Os brigadistas participaram de módulos de noções de proteção e Defesa Civil, noções de biodiversidade e educação ambiental, combate a incêndios florestais e atendimento pré-hospitalar. Após a conclusão do curso, os participantes estão aptos para atuar como brigadistas na natureza, fazendo desde a orientação até o combate de pequenos focos.

O módulo de biodiversidade foi ministrado pelo biólogo e assessor técnico da Sema, Israel Dourado. Segundo ele, a capacitação dos moradores do município é estratégica, já que a região sofre com um dos maiores índices de desmatamento ilegal e focos de queimadas.

“A capacitação vai beneficiar muito o município, que está localizado nesta área desafiadora que é o sul do estado. Esperamos que esses novos brigadistas possam reforçar o combate e a prevenção de queimadas, principalmente a partir do segundo semestre, quando esses índices costumam ser maiores”, disse.

A servidora da Defesa Civil de Lábrea, Marceli Pereira, é uma das novas brigadistas florestais do município. Ela destacou a importância da capacitação. “A gente só tem a agradecer por esse curso. Foi um aprendizado de algo que eu não tinha conhecimento nenhum. Creio que a gente vai poder ajudar bastante a nossa população, que há muito tempo precisava”, contou.

Mais capacitações – Além de Lábrea, mais seis municípios serão contemplados com o curso de formação de brigadistas florestais: Manicoré, Novo Aripuanã, Boca do Acre, Canutama, Humaitá e Apuí.

As próximas capacitações vão ocorrer em Manicoré, de 17 a 21 de maio; e Novo Aripuanã, entre os dias 24 e 28 deste mês. A proposta é formar, ao todo, 100 novos brigadistas para atuarem no combate aos focos de calor no sul do Amazonas em 2021.

Foto: Divulgação/Sema.

-publicidade-