2ª Etapa Regional dos Jogos Escolares da Juventude inicia nesta quinta-feira, em Manaus

Quatro modalidades coletivas serão disputadas na 2ª Etapa Regional dos Jogos Escolares da Juventude, que iniciam nesta quinta-feira (20/09) e vão até o próximo domingo (23/09), com jogos gratuitos em 12 praças esportivas diferentes. A competição é coordenada pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), em parceria com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel) e é uma das mais aguardadas dos jogos de base do Amazonas.

Durante a semana, atletas de Roraima, Rondônia, Tocantins, Acre, Amapá, Pará, Mato Grosso e Distrito Federal desembarcam em Manaus para os jogos de vôlei, basquete, futsal e handebol, divididos nas categorias infantil e juvenil, com disputas no masculino e feminino. Ao todo, os torneios mobilizam 1.225 participantes, sendo 1.075 atletas. A delegação do Amazonas conta com 132 integrantes, entre atletas e dirigentes. Além da capital, estudantes dos municípios de Urucará e Coari se classificaram para a etapa.

Os jogos serão realizados na Vila Olímpica de Manaus, Sesi, Reneé Monteiro, Colégio Militar de Manaus, Ninimberg Guerra, na Arena Amadeu Teixeira, Zezão, Escola Estadual Humberto de Campos, Centro Educacional Casimiro de Abreu (Cecab), Atlético Rio Negro Clube e no Centro Educacional de Tempo Integral Áurea Pinheiro Braga; nos períodos da manhã e tarde.

Conquista – Em março de 2018, o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) escolheu o Amazonas como sede da 2ª Etapa Regional dos Jogos Escolares da Juventude. O anúncio foi feito durante a 19ª edição do Prêmio Brasil Olímpico, no Rio de Janeiro (RJ). É a primeira vez que o Estado sedia a competição, caracterizada como o maior campeonato nacional de esporte de base. “Nós entramos na disputa para ser sede o final de 2017. Concorremos com outras cidades e fomos escolhidos para esta etapa, que abrange nove Estados da Federação. Uma vitória que representa muito para o Amazonas, dada a importância da competição”, frisou Mike Moraes, diretor técnico de desporto da Sejel.

Próximos passos – A primeira regional foi realizada no início de setembro, na cidade de Natal (RN). Depois da segunda etapa, em Manaus, os atletas seguem para Joinville (SC), para a terceira e última regional. “Dessas três regionais saem os classificados das modalidades coletivas para a etapa nacional, que será no período de 12 a 26 de novembro, também no Rio Grande do Norte (em Natal). A delegação amazonense já conta com quatro esquipes classificadas para os jogos nacionais. São as equipes do futsal infantil feminino e masculino e do vôlei infantil e juvenil, ambos no naipe masculino, que tiveram um bom resultado ano passado e estão automaticamente classificados. Estamos concorrendo a outras 12 vagas, para tentar aumentar a nossa delegação”, explicou o diretor técnico.

Preparação – Depois de enfrentar sete horas e meia de viagem, o time de handebol feminino infantil de Urucará foi o primeiro a chegar a Manaus, na tarde da última segunda-feira (17/09). A equipe, formada por 12 alunas da Escola Estadual Ramalho Júnior, foi a campeã do handebol feminino infantil na edição 2018 dos Jogos Escolares do Amazonas, o JEAs.

Sob o comando do técnico e professor de Educação Física Dênis Rocco, as meninas intensificaram os treinos para os Jogos da Juventude. “A preparação para essa competição já existe desde o ano passado. É um trabalho de muita dedicação e todas elas estão orgulhosas por representarem o Amazonas na etapa regional e estão se esforçando ao máximo para obterem a classificação e seguir na disputa”, assegurou o técnico.

Destaque – Eleita a melhor jogadora da categoria no JEAs 2018, a pivô Caroline Santiago, 14, trocou o futsal pelo handebol há três anos e não se arrepende da escolha. “Minha relação com o esporte vem desde muito cedo, mas com o futsal eu nunca tinha saído de Urucará. Então acredito que me encontrei no handebol. Me senti realizada por ter sido premiada como melhor jogadora, vou procurar evoluir e crescer mais”, afirmou a atleta.

Além das modalidades coletivas, os Jogos Escolares da Juventude contam com disputas individuais em atletismo, tênis de mesa, xadrez, natação, badminton, ginástica rítmica, judô e luta olímpica, distribuídos em um calendário anual diferenciado.

Veja as praças esportivas onde vão ocorrer os jogos:

Nos ginásios Reneé Monteiro, do Sesi e da Vila Olímpica, ocorrem os jogos de Futsal.

No ginásio do Colégio Militar de Manaus, no Ninimberg Guerra e na Arena Amadeu Teixeira, ocorrem os jogos de basquete.

Nos ginásios da Escola Estadual Humberto de Campos, do CETI Áurea Pinheiro Braga e também na Vila Olímpica, acontecem os jogos de vôlei.

Os jogos de handebol vão ocorrer nos ginásios Zezão, do Rio Negro Clube e do Centro Educacional Casimiro de Abreu (Cecab).

– Ginásio da Vila Olímpica de Manaus – Avenida Pedro Teixeira, no bairro Dom Pedro, zona centro-oeste da capital (serão usadas duas quadras do local);

– Ginásio do Clube do Trabalhador – Sesi – Alamenda Cosme Ferreira, no bairro Coroado, zona leste da capital;

– Ginásio Reneé Monteiro – Avenida Constantino Nery, no Bairro São Geraldo, zona centro-sul da capital;

– Ginásio do Colégio Militar de Manaus (CMM), José Clemente, Centro da capital;

– Ginásio Ninimberg Guerra – Rua Emília Ruas, bairro São Jorge, zona oeste da capital;

– Arena Amadeu Teixeira – Rua Lóris Cordovil, bairro Flores, zona centro-sul da capital;

– Ginásio Zezão – Avenida Autaz Mirim, bairro São José Operário, zona leste da capital;

– Ginásio da Escola Estadual Humberto de Campos – Rua Lóris Cordovil, bairro Alvorada, zona centro-oeste da capital;

– Ginásio do Centro Educacional Casimiro de Abreu (Cecab) – Rua Inajá, bairro Cidade Nova, zona norte da capital;

– Ginásio do Atlético Rio Negro Clube – Avenida Epaminondas, Centro da capital;

– Ginásio do Centro Educacional de Tempo Integral Áurea Pinheiro Braga – Avenida Brasil, bairro Compensa, zona oeste da capital.

FOTO: ROBERTO CARLOS/SECOM