A Sua Excelência a Senhora
Conceição Sampaio
Deputada Federal pelo Estado do Amazonas

Manaus 23 de março de 2016.

Senhora Deputada,

Nós dos Movimentos das Mulheres e Feministas, e demais grupos organizados, no Amazonas – que assinam este documento -, compreendemos as dificuldades pelas quais o País atravessa e estamos juntas e juntos refletindo, dialogando e lutando para superá-las.

Nós, cara Deputada, acreditamos que as saídas para o que chamam de crise, jamais poderia passar ao largo das nossas instituições e do respeito à legalidade. Sendo assim, ciosas do nosso papel de mulher/feminista/lutadoras dos direitos humanos das mulheres, recebemos com imensa tristeza e decepção a notícia veiculada nos meios de comunicação do estado de que Vossa Excelência (única mulher eleita com muitos votos de outras mulheres) “fechou” entendimento com a triste bancada desse Estado, na Câmara, com posição favorável ao impeachment da Presidenta Dilma Rousseff, com a afirmação “Por amor ao Brasil e a favor do impeachment”.

Nobre Deputada, apoiar um processo de impeachment sem fato jurídico concreto e comprovado contra uma MULHER, nossa Presidenta Dilma Rousseff, eleita legitimamente, sem comprovação de ter cometido nenhum crime – pois Vossa Excelência é sabedora que o parecer do Tribunal de Contas da União (TCU) é apenas opinativo; apoiar, assinar, sem uma fala, sem partilha com os movimentos de mulheres/feministas do seu Estado, é GOLPE, pois a senhora muitas vezes era citada, apontada como uma Parlamentar que ouvia os Movimentos Sociais, e por várias vezes repetiu que, caminhando conosco aprendeu a caminhar com a causa das mulheres.

Com nosso voto, cara Deputada, a enviamos para a Câmara Federal acreditando que Vossa Excelência defenderia a continuidade da materialização dos nossos direitos fundamentais, das conquistas principalmente das mulheres das quais Vossa Excelência se aproximou e se mostrava parceira enquanto estava aqui.

Senhora Deputada, assinar e votar pelo impeachment é GOLPE AO ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO!

É GOLPE Deputada, aos nossos direitos fundamentais constitucionais que nesses últimos anos se concretizaram em parte em nossas vidas, saltando das letras frias da lei e transformaram-se em vagas nas universidades (direito fundamental social à educação – art. 6º CF/88), em moradias cujas propriedades foram registradas em nome de mulheres (direito fundamental à moradia – art. 6º CF/88), em creches (direito fundamental social à proteção à maternidade e à infância – art. 6º CF/88) – dentre outros. É GOLPE às conquistas do Movimento de Mulheres e Movimentos Feministas em todo Brasil que com a Lei Maria da Penha tiveram mais um instrumento na luta contra a violência, com a adesão de pactos federativos contra violência propostos em nível Federal com repasse de recursos aos Estados para implementação (…)

Por tais razões, antes que a votação inquisitiva se faça, o golpe do Legislativo se efetive, alertamos Vossa Excelência para que não seja responsável pelo retrocesso, pela perda de direitos.

Escrevemos a Vossa Excelência REQUERENDO que repense sua posição e VOTE CONTRA O IMPEACHMENT, CONTRA O GOLPE, E SEM TRAIR A CONFIANÇA DE TANTAS MULHERES E HOMENS DESSE ESTADO, DENTRE AS QUAIS PESSOAS DOS MOVIMENTOS QUE ASSINAM.

REQUEREMOS QUE TOME POSIÇÃO PELA DEFESA DO ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO ESTABELECIDO NA CONSTITUIÇÃO FEDERAL, VOTE CONTRA IMPEACHMENT, E A FAVOR DA CONTINUIDADE DAS CONQUISTAS DAS MULHERES NEGRAS, INDÍGENAS, BRANCAS, EMPOBRECIDAS E TODAS E TODOS, OS MAIS VULNERÁVEIS DESTE ESTADO E DO NOSSO BRASIL.
Respeitosamente,
Assinam:
1. Marcha Mundial de Mulheres/Amazonas – MMM/AM
2. Pastoral Operária da Arquidiocese de Manaus – GT de Mulheres da Economia Solidária
3. Fórum de Mulheres Afroamerindias e Caribenhas
4. Articulação das Mulheres Homoafetivas e Aliadas do Amazonas – ALMAZ
5. Movimento das Mulheres Negras da Floresta – Dandara
6. Movimento de Mulheres Solidária do Amazonas – MUSAS
7. Movimento Feminista Maria Sem Vergonha – MFMSV
8. Espaço Feminista Uri Hi
9. Grupo de Estudo, Pesquisa e Observatório Social de Gênero Política e Poder – GEPOS
10. Associação de Mulheres Independentes na Luta pela Livre Expressão Sexual – AAMILES
11. Movimento de Mulheres Orquideas
12. Movimento de Mulheres Unidas pela Moradia
13. Mulheres Que Fazem/Presidente Figueiredo
14. Associação de Moradores da Comunidade Artur Bernardes – AMCAB
15. Articulação de Mulheres do Amazonas – AMA
16. Movimento Articulado de Mulheres da Amazônia – MAMA
17. Movimento Nacional de Lutas por Moradia – MNLM
18. Instituto Cultural Maku Itá
19. Guerreiras Amazônicas em Movimento – GAM
20. Instituto Amazonense Mão Amiga
21. Associação Organizada por Moradia do Norte
22. Conselho Social Comunitário do Grande Vitória
23. Associação Cultural Toro Du Gu
24. Movimento Social pelo Direito à Moradia Digna
25. União Nacional por Moradia Popular do Amazonas
26. Cooperativa de Habitação da Amazônia
27. Cooperativa das Mulheres Empreendedoras do Estado do Amazonas
28. Centro de Defesa da Mulher – CDM
29. Associação dos Índios Kokamas Residentes em Manaus
30. Centro de Integração Amigas da Mama – CIAM
31. Movimento Comunitário Vida e Esperança
32. Associação Centro Comunitário da Mulher – ACCM/Itacoatiara
33. Associação de Donas de Casa do Estado do Amazonas – ADCEA
34. Articulação de Mulheres Brasileiras/Amazonas – AMB/AM
35. Instituto Cultural Afro Mutalembê – ICAM
36. Movimento Amazônico de Agroecologia/Manaus
37. Articulação de Convivência com a Amazônia – ARCA
38. Fórum Permanente das Mulheres de Manaus
39. Fórum de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais do Amazonas – FLGBT-AM
40. Movimento de Mulheres do HIP HOP Amazonas – MariaM
41. Liga Brasileira de Lésbicas/Amazonas – LBL/AM
42. Articulação Brasileiras de Lésbicas/Amazonas – ABL/AM
43. Rede Um Grito Pela Vida