Meu saudoso tio Antônio, marinheiro mercante que descobriu logo cedo a importância de sair do Amazonas para vencer em outras terras, quando vinha a Manaus em visita a parentes, dizia na hora de voltar para casa, em Santos-SP: “vou voltar ao Brasil!!” Repetia a mesma frase todas as vezes que aqui vinha e perguntava: “quando será que vão construir uma estrada ligando Manaus ao resto do Brasil?”

Mais de 4 anos após a morte dele, que, morando há mais de 35 em Santos, os amazonenses ainda continuam sem essa importante ligação por via terrestre. No último sábado (10), o engajado Movimento Brasil Livre (MBL), promoveu uma visita à rodovia federal que seria a solução para essa ligação do nosso Estado com o Centro-Oeste, o Sudeste e o “Sul maravilha”, como já foi conhecida a Região.

Mais uma tentativa que se soma às dezenas que já foram feitas para tentar, enfim, disponibilizar a estrada para o desenvolvimento da região.