25.3 C
Manaus
segunda-feira, fevereiro 26, 2024

Ação conjunta prende suspeitos de feminicídio em Borba, mandante é procurado; veja quem é

Borba, Amazonas, 1° de Fevereiro de 2024 – Em uma operação conjunta realizada nesta quinta-feira, autoridades da Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), da 74ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Borba, Polícia Militar do Amazonas (PMAM) e Guarda Civil Municipal (GCM) detiveram um homem e uma mulher, de 41 e 45 anos, respectivamente, por suspeita de envolvimento no feminicídio de Miss Lene Matos da Fonseca, ocorrido em 18 de dezembro de 2023.

As investigações conduzidas pelo delegado Jorge Arcanjo apontam Renato Barros de Souza, companheiro da vítima, como autor do crime, que efetuou um disparo de espingarda contra Miss Lene, levando-a a óbito. Após o crime, Renato fugiu com os três filhos do casal.

Os irmãos de Renato, vizinhos ao casal, foram presos sob a acusação de obstrução de justiça, por terem removido vestígios do crime, trocado as roupas da vítima e limpado o local. As prisões temporárias foram executadas enquanto as crianças, encontradas em uma comunidade ribeirinha sem a presença do pai, foram entregues ao Conselho Tutelar e posteriormente à avó materna.

Além do feminicídio, Renato Barros de Souza é investigado por um disparo de arma de fogo que feriu seu filho de 9 anos, ocorrido seis dias antes do assassinato de sua companheira.

A PC-AM faz um apelo à população para informações que levem ao paradeiro de Renato, garantindo sigilo total sobre a identidade dos informantes. As autoridades enfatizam a importância da colaboração da comunidade para a captura do fugitivo.

Este trágico incidente gerou grande comoção em Borba e reforça a necessidade de medidas rigorosas contra a violência doméstica e feminicídio, além da importância da colaboração da população com as forças de segurança para garantir que os responsáveis sejam devidamente processados e julgados.

spot_img