Ação integrada apreende 70 metros cúbicos em toras de madeira ilegal em Canutama

Policiais militares do Batalhão de Policiamento Ambiental (CPAmb), vinculado ao Comando de Policiamento Ambiental (CPAmb) apreenderam, durante ação fiscalizatória integrada com o Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), na tarde de quinta-feira (24/06), mais de 70 metros cúbicos em toras de madeira irregular, em uma madeireira situada nos limites do município de Canutama (a 619 quilômetros da capital).

Na ação integrada de fiscalização, em desdobramento da operação Tamoiotatá, por volta das 17h, durante a conferência dos documentos da madeira armazenada no pátio da referida empresa, foi verificada divergência entre as informações fornecidas pelo responsável e o material vegetal exposto no pátio. Os militares identificaram que havia um excedente de 73,12 metros cúbicos de madeira em toras, divergindo do descrito no documento apresentado.

Em razão dos fatos, a madeira foi apreendida e o estabelecimento multado, conforme previsto na legislação ambiental para este tipo de conduta.

A Polícia Militar orienta que quem vende, transporta, guarda ou expõe à venda, produtos de origem vegetal como carvão ou madeira sem a devida licença, ou com documentação em desacordo com o que estabelece a legislação, comete crime ambiental, sujeitando seu(s) autor(es) às penalidades previstas na lei de crimes ambientais.

Denúncias – A Polícia Militar orienta à população que informe imediatamente ao tomar conhecimento de qualquer ação criminosa, através do disque-denúncia 181 ou pelo 190.

FOTO: Divulgação/PMAM