24.3 C
Manaus
segunda-feira, fevereiro 26, 2024

Ações consecutivas da Polícia Federal e órgãos ambientais resultam em prisões e combate à extração ilegal de recursos

Em duas operações distintas, as autoridades do Amazonas intensificaram o combate a atividades criminosas na região.

Na primeira operação, realizada no sábado, 6 de janeiro, a Polícia Federal, em conjunto com a Polícia Militar do Amazonas, prendeu quatro indivíduos por tráfico de drogas. Eles transportavam aproximadamente 263kg de maconha, 38kg de pasta base e 1kg de haxixe. Entre os detidos estavam três homens de nacionalidade colombiana e uma mulher brasileira. Após a prisão, eles foram levados para a Superintendência Regional da Polícia Federal no Amazonas e estão agora à disposição da Justiça. Um inquérito foi instaurado para investigar a origem das drogas.

Em uma segunda operação, chamada “A Praia é Nossa”, conduzida nesta segunda-feira, 8 de janeiro, a Polícia Federal, em parceria com o Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (IPAAM), focou na prevenção e repressão à extração ilegal de ouro e areia na região. Durante a ação, uma balsa grande, utilizada para a dragagem ilegal e causadora de danos ambientais significativos, foi inutilizada no lago do Tarumã. Devido à impossibilidade de remover a draga do local, as autoridades decidiram neutralizá-la.

Uma investigação foi iniciada para aprofundar os fatos e identificar os responsáveis. Os envolvidos podem responder por crimes como dano ambiental, extração de recursos minerais sem licença, usurpação de bens da União e associação criminosa.

Estas operações destacam o compromisso contínuo das forças de segurança e órgãos ambientais na luta contra o crime organizado e a proteção do meio ambiente no Amazonas.

spot_img