Take a fresh look at your lifestyle.

Adaf empossa mais 15 aprovados em concurso

-publicidade-

O Governo do Estado, por meio da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado Amazonas (Adaf), empossou, nesta quarta-feira (23/12), mais quinze aprovados que vão compor o quadro efetivo da agência. O decreto de nomeação foi publicado na edição do último dia 23 de novembro do Diário Oficial do Estado (DOE).

Foram empossados servidores para ocuparem os cargos de técnico de fiscalização agropecuária, fiscal agropecuário médico veterinário, auxiliar de fiscalização agropecuária, assistente técnico, técnico de fiscalização agropecuária, administrador e motorista.

O diretor-presidente da Adaf, Alexandre Araújo, comemorou a posse dos novos colegas, ressaltando que a partir de agora os aprovados no concurso criam vínculo com o Governo do Estado e Adaf como servidores públicos. “Felizmente esse ano, apesar das consequências da pandemia, conseguimos dar continuidade ao chamamento dos aprovados no concurso e esperamos dar posse aos demais colegas que foram nomeados neste mês de dezembro”, destacou Alexandre.

No dia 4 de dezembro, o Governo do Estado nomeou 73 aprovados no concurso público da Adaf, concluindo o chamamento para todas as vagas previstas no edital do concurso da Adaf. Os candidatos já foram notificados e encontram-se em fase de apresentação da documentação obrigatória e dos exames admissionais. A posse dessa última turma está prevista para ocorrer no fim do próximo mês.

Treinamento – O treinamento para os novos servidores empossados hoje (23) será realizado no dia 4 de janeiro, sendo ministrado pelos gerentes técnicos e chefes dos departamentos da agência, e vai contar com as palestras institucionais dos representantes da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), da Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS) e do Instituto de Desenvolvimento Agropecuária e Florestal e Sustentável (Idam).

Os novos servidores serão lotados nos municípios de Tefé, Coari, Silves, Manaus, Humaitá, Lábrea (Vila Extrema), Santo Antônio do Matupi (Manicoré), Parintins, Nova Olinda do Norte, Autazes e Manaus.

Juliana Lira, natural da Bahia, que vai atuar como fiscal agropecuária médica veterinária no município de Tefé (distante a 522 quilômetros de Manaus), destaca que já conhecia a agência e está otimista para contribuir com a defesa agropecuária do Amazonas. “Eu já conhecia a Adaf indiretamente por conta de um servidor da instituição. Estou aqui para vestir a camisa da Adaf com essa função da defesa agropecuária do Estado e para colaborar com a produção rural e nossos produtores”, comentou Juliana Lira.

Ao todo, o edital do concurso da Adaf ofertou 208 vagas. O resultado final do certame foi homologado no dia 29 maio de 2019 e a primeira nomeação foi realizada em março deste ano, tendo a posse ocorrida em julho, devido à pandemia da Covid-19.

FOTO: Divulgação/Adaf

-publicidade-