As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!
Governo Carnaval

Aluno do SENAI AM disputa seletiva em sistemas de redes TI

Campanha Síndromes

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) promove, a partir desta terça-feira (9) até sexta-feira, em Florianópolis (SC), seletiva na ocupação industrial Gestão de Sistemas de Redes TI, com a participação do amazonense Stanrley Pinheiro, 21. Dezoito alunos do SENAI de todo o país estão na competição e o vencedor vai representar o Brasil no WorldSkills 2017, maior torneio mundial de educação técnica.

O mercado de trabalho demanda por gestor de sistemas, profissional que domine conhecimentos nos sistemas windows, linux e cisco. Na seletiva, os alunos serão avaliados no desempenho dos três sistemas, tendo que operacionalizá-los para atender as solicitações de cada módulo.

Todo o projeto teste na competição simula o dia a dia de um profissional da indústria, incluindo demandas de clientes e servidores, de internet com fio ou sem fio, segurança de rede e integração do sistema, entre outras.

“Stanrley foi capacitado para desempenhar atividades de três técnicos. É habilidoso, centrado, absorve rápido o conhecimento e consegue trabalhar com metas e total responsabilidade com o trabalho a ser realizado”, avalia o instrutor do SENAI Amazonas, Wanderlyn Junior.

O competidor amazonense revela que viu no SENAI oportunidade de se especializar na área de engenharia da computação. Atualmente também é aluno do 5º ano de graduação da Universidade Federal do Amazonas. A escolha pelo curso técnico de redes de computadores no SENAI lhe deu a chance de chegar ao torneio nacional de educação com jovens que fizeram qualificação no SENAI ou em instituições federais técnicas.

“No SENAI adquiri mais conhecimento e chance de representar o Amazonas na competição. O que aprendi nos treinamentos é superior a qualquer curso, pois coloquei em prática dia e noite o vasto aprendizado que recebi dos instrutores desta instituição”, destacou Stanrley.

A estratégia do aluno nos próximos dias de competição é concentrar-se ao máximo nos três sistemas operacionais para realizar instalações, atualizações, soluções de problemas, configurações de sistemas e dispositivos de rede, serviços de design e suporte ao usuário.

“Não sairei do foco de crescer ainda mais na área que escolhi como profissão. Irei ter atenção ao levantar cada serviço e superarei os desafios da correria contra o tempo e da pressão da competição”, disse o amazonense.

Na semana também competem o aluno Leandro Araújo, que disputa em São João dos Pinhais (PR), na ocupação de movelaria, e Diego Raiol, em Teresina (PI), está na seletiva de vitrinismo. Os jovens amazonenses disputam com estudantes de até 21 anos a vaga para WorldSkills 2017, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.