Take a fresh look at your lifestyle.

Aluno do SENAI/AM participará do Worldskills

-publicidade-

Excelência do ensino do SENAI garante primeira participação de um representante da Região Norte no maior torneio mundial de educação profissional

O aluno do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI Amazonas), Maurício Duarte, 19 anos, será o primeiro competidor da Região Norte no maior torneio de educação profissional do planeta, o Worldskills Competition. Depois de conquistar a medalha de ouro da ocupação Vitrinismo, em setembro do ano passado, na Olimpíada do Conhecimento, em Belo Horizonte (MG), Maurício teve que enfrentar simulados de desempate com uma aluna do SENAI Minas Gerais. O resultado, anunciado nesta quarta-feira (11), confirmou a superioridade do amazonense.

Há pelo menos um ano, Mauricio vem recebendo capacitação técnica de instrutores do SENAI, na ocupação Vitrinismo, com o único objetivo de representar o Amazonas na Olimpíada do Conhecimento, maior torneio de educação profissional das Américas. Vencida esta etapa, com a conquista do ouro, o aluno foi submetido a uma série de simulados para confirmar sua capacidade.

“Nunca tivemos um representante do Brasil saindo da Região Norte nesta disputa internacional entre jovens com excelência no conhecimento profissional. Para o SENAI Amazonas, a participação do Maurício é uma conquista valiosa que impulsiona ainda mais a nossa função de disseminar a educação entre jovens e adultos com vista ao mercado de trabalho”, disse o diretor do SENAI Amazonas, Aldemurpe Barros.

Maurício passou por várias etapas de treinamentos e simulados na ocupação de vitrinismo para realizar o desempate com a competidora do SENAI/MG, Emilly Oliveira, 19 anos. De acordo com Aldemurpe, superar o Departamento de Minas, que é referência no ensino desta área, foi uma superação, sabendo que a campeã do último Worldskills no vitrinismo é mineira.

O competidor amazonense vai continuar com a agenda de treinamentos fora do Estado e agora terá o acompanhamento do Departamento Nacional do SENAI que organizará estudos, simulados, aperfeiçoamentos e instruções psicológicas.

“Minha responsabilidade triplicou com o Worldskills, após ter passado pelas etapas estadual e nacional. Nos próximos dois meses, os treinamentos serão intensos e todos já pré-definidos em Curitiba, Belo Horizonte, Brasília e São Paulo. Minha meta é me esforçar cada vez mais, buscando aperfeiçoamento e as diversas maneiras de executar os projetos de vitrinismo”, declarou Maurício Duarte.

A oportunidade de mostrar a qualidade do ensino disseminado pela equipe técnica do SENAI Amazonas é o grande desafio de Maurício. Segundo o aluno, a ocupação vitrinismo, que será identificada no mundial como Visual Merchandising exige do competidor conhecimentos amplos de várias ocupações como pintura decorativa, marcenaria, manipulação de softwares e habilidades em iluminação, design de interiores e moda.

A competição do Worldskills ocorrerá de 11 a 16 de agosto, no Anhembi, São Paulo. O torneio reunirá mais de mil competidores dos cincos continentes, representando mais de 70 países. Os alunos competidores vão participar de simulações do cotidiano das 46 profissões e todas elas devem ser cumpridas dentro dos padrões internacionais de qualidade.

-publicidade-