Take a fresh look at your lifestyle.

AM domina Irlanda: Luis Neto fatura quatro ouros em Dublin

-publicidade-

Com quatro medalhas de ouro, o lutador amazonense Luis Neto, 43, conquistou o Velho Continente e mostrou novamente a força da “arte suave” do Estado numa competição de alto nível. Desta vez foi no Internacional Open de Jiu-Jitsu da IBJJF, em Dublin, Irlanda. Os combates aconteceram na Arena Tallaght neste fim de semana, 8 e 9 de dezembro.

Competidor da categoria Máster 3, o faixa preta disputou o Open de Dublin nas modalidades Gi (com quimono) e No Gi (sem quimono). No sábado, 8, ele venceu a categoria Super Pesado e também o Absoluto (sem limite de peso), deixando prata com Maurício Cabral de Melo (Black Helmets) e os bronzes com Daniel Alvarez (Lead BJJ) e Marcelo Dahike (Fight Sports International).

Luis Neto, que também é presidente a Federação Amazonense de Jiu-Jítsu Esportivo (FAJJE), voltou ao tatame no domingo, 9, para as disputas sem quimono. E novamente levou a melhor sobre os adversários, ficando com o ouro da categoria e Absoluto.

Em entrevista via Whatsapp, o supercampeão de jiu-jítsu destacou a preparação especial para o campeonato, iniciada no mês de outubro e finalizada com um período de aclimatação de 10 dias antes do evento na Europa. O planejamento teve êxito.

“Eu me preparei para esse campeonato desde outubro e consegui ganhar as quatro medalhas de ouro possíveis na competição. Vim passar 10 dias na Europa para aclimatação. Aqui está 5 graus, então a gente sente bem a diferença de temperatura e assim que voltar para Manaus eu inicio uma nova fase de treinamento já visando as competições de 2019”, comentou Luis Neto, antecipando que no próximo ano lutará em Miami, Houston e Chicago, nos Estados Unidos.

Apesar de conhecer o mundo do jiu-jítsu devido a sua larga experiência internacional, o manauara se disse surpreendido com o nível técnico dos atletas da Irlanda.

“Eu me surpreendi bastante o nível aqui da Irlanda, os caras são muito cascas grossas, muito fortes, mas aí a gente conseguiu colocar em prática o que treinou na parte física e também a experiência já adquirida ao longo dos anos nas competições. Isso daí fez toda a diferença. Vamos manter o foco e continuar sendo campeão”, finalizou o atleta e dirigente, que retorna para a terra natal no dia 14.

-publicidade-