Amazonas Notícias

Amazon Open: Caio Parangolé se reinventa no jiu-jítsu e brilha entre os másters

Do muay thai para o jiu-jítsu. Tem sido assim a vida do lutador Caio “Parangolé” César, um dos campeões no tatame do Amazon Open de Jiu-Jítsu Esportivo Gi e No Gi. O evento agitou as dependências da Arena Amadeu Teixeira neste sábado (11/02), em Manaus.
Conhecido pelo trabalho como atleta de muay e personal fight, Caio Parangolé tem curtido competir de quimono, sua nova praia no esporte. Os treinos acontecem na equipe Jorge Sadim, filial do Club Pina, no bairro de Petrópolis, Zona Sul de Manaus.

Competidor da categoria Máster 1, Caio é faixa roxa e teve um desempenho excelente no Amazon Open. Três vitórias e Double Gold – faturou a categoria Pesadíssimo e o Absoluto.

“Sabia que ia ser um campeonato difícil, por isso fiz uma preparação bem pesada com a equipe Jorge Sadim, uma academia muito boa. Treino com os melhores e, graças a Deus, fui campeão na minha categoria e no Absoluto. Dedico essa conquista a minha família”, disse o atleta de 31 anos.

Parangolé disse que aguarda, para o mês de março, um chamado para estrear no Shooto, um dos maiores eventos de MMA do Brasil. No octógono, o guerreiro compete no peso médio e tem sete combates profissionais, com quatro vitórias e três derrotas.

“Estou gostando dessa migração do muay thai para o jiu-jítsu, uma área que eu não dominava. Estou esperando essa confirmação do Shooto, enquanto isso sigo meu trabalho de personal fight de muay thai, boxe e MMA em condomínios, praças, onde mais precisar”, concluiu Caio César.

Relacioandos