A 19ª edição do Simpósio Internacional de Fisioterapia Cardiorrespiratória e Fisioterapia em Terapia Intensiva, referência na área, vai ocorrer no Amazonas, em Manaus, no ano de 2018. A escolha da capital amazonense foi anunciada no final da manhã desta sexta-feira, dia 10, durante o encerramento da 18ª edição do Simpósio Internacional de Fisioterapia Cardiorrespiratória e Fisioterapia em Terapia Intensiva, que ocorreu em Belo Horizonte (MG) e foi motivo de comemoração por parte da presidente da Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur), Oreni Braga. “Esse evento vem coroar o início de um trabalho, que na realidade é uma união de esforços do trade turístico com Governo e Prefeitura de Manaus, no sentido de transformar Manaus referência para o Turismo de Eventos”, disse Oreni.

Desde o dia 8 de junho, o Governo do Amazonas, por meio da Amazonastur, em parceria com a Prefeitura de Manaus, estava presente na 18ª edição do evento. “Santa Cataria, outra capital que disputava com Manaus, montou uma super estrutura, mas levamos o evento. Com poucos recursos vamos trazer muita gente para movimentar o turismo local”, comemorou Oreni Braga.

De acordo com o presidente Regional Amazonas da Associação Brasileira de Fisioterapia Cardiorrespiratória e Fisioterapia em Terapia Intensiva (ASSOBRAFIR), Marcos Giovanni, o evento, que ocorre a cada dois anos, deve trazer à Manaus pelo menos 1,5 mil profissionais da área. “Essa conquista tem um impacto muito grande para os estudantes e fisioterapeutas que trabalham com essas especialidades, pois será uma grande oportunidade de intercâmbio de conhecimento com profissionais de outros países e de outros estados do Brasil, além de movimentar a questão científica, vamos movimentar o comercio, o setor hoteleiro, enfim, contribuir com o desenvolvimento da nossa cidade”, disse Giovanni.

Turismo de Eventos – O Governo do Amazonas, por meio da Amazonastur, em parceria com a Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Convention & Visitors Bureaux Amazonas, ABAV/AM, ABIH/AM, Abrasel/AM, Sindegtur, entre outras entidades ligadas ao trade turístico, começou a montar uma estratégia de captação de eventos para Manaus.

O objetivo é transformar a capital do Estado em referência quando se tratar de turismo de eventos, pois de acordo com Oreni Braga, o Brasil está na 11ª colocação na posição entre os países mais realizam eventos no mundo.

Famtour – Uma das ações que já está programada nesse trabalho são os famtours de segmentos como Associações Médicas, entre outras, com vistas a apresentar o destino e o potencial turístico do Estado. “In loco esses segmentos vão conhecer nossos espaços para eventos, hotéis urbanos e de selva, etc., mostrando a infraestrutura local como um todo para realização de Congressos, Simpósios e Seminários”, finalizou a presidente da Amazonastur.