29.3 C
Manaus
quarta-feira, fevereiro 21, 2024

Amazonas recebe vacinas contra dengue para fortalecer prevenção em 12 municípios

Em uma iniciativa crucial para combater a dengue no Amazonas, o Ministério da Saúde anunciou nesta quinta-feira (25/01) que 12 municípios do estado receberão vacinas contra a doença. A medida visa reforçar as ações de prevenção e controle da dengue, uma enfermidade transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. A previsão é que a vacinação comece a partir de fevereiro.

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), da Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas, está no aguardo da confirmação da data e da quantidade de doses a serem recebidas. “A vacinação é uma estratégia crucial no combate à dengue. Assim que recebermos as doses, elas serão distribuídas aos municípios conforme o agendamento realizado pelas Secretarias Municipais de Saúde”, afirmou Tatyana Amorim, diretora-presidente da FVS-RCP.

Os municípios selecionados para receber a vacina são Manaus, Iranduba, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, Barcelos, São Gabriel da Cachoeira, Careiro, Nova Olinda do Norte, Manaquiri, Santa Isabel do Rio Negro, Autazes e Careiro da Várzea. Essas localidades, que fazem parte da região Manaus, entorno e Alto Rio Negro, foram escolhidas após análise da equipe do Ministério da Saúde. O público-alvo da vacinação será crianças e adolescentes entre 10 e 14 anos, com um esquema vacinal de duas doses e um intervalo de três meses entre elas.

O estado do Amazonas registrou um aumento considerável nos casos de dengue, com 11.641 casos em 2022, 16.930 em 2023, e 4.469 casos apenas em janeiro de 2024. Em comparação, janeiro de 2023 teve 3.362 casos registrados.

Diante desse cenário, a FVS-RCP continua enfatizando a importância das medidas preventivas contra a dengue. A principal recomendação é a eliminação de locais que possam acumular água parada, ambiente propício para a proliferação do mosquito Aedes aegypti.

A chegada das vacinas representa um avanço significativo nas estratégias de combate à dengue no Amazonas, oferecendo uma camada adicional de proteção para a população, especialmente para os mais jovens. As ações de prevenção e monitoramento continuam sendo fundamentais para controlar a disseminação da doença e reduzir seu impacto na saúde pública da região.

spot_img