As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Amazonas reforça pedido ao Ministério da Saúde para abertura de leitos para pacientes indígenas

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), enviou nesta terça-feira (19/05) ofício à Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), do Ministério da Saúde (MS), reforçando o pedido de envio de 20 respiradores para a implementação de leitos de alta complexidade no Hospital de Combate ao Covid-19, voltados ao atendimento de pacientes indígenas.

No documento, a Susam ressalta que o Governo do Amazonas disponibilizou as estruturas prediais do Hospital de Combate ao Covid-19, unidade de referência para o tratamento da doença, conforme solicitado pelo, então, ministro da Saúde Nelson Teich em visita ao local, no dia quatro de maio. A intenção de abertura da unidade também foi confirmada na ocasião, pelo titular da Sesai, Robson Silva, que integrava a comitiva ministerial.

O ofício reiterando o pedido foi enviado um dia após a secretária de Estado de Saúde, Simone Papaiz, se reunir com o secretário da Sesai, Robson Silva, para tratar do assunto. O encontro ocorreu em viagem aos municípios de São Gabriel da Cachoeira e Tabatinga, em que a secretária acompanhou a entrega de respiradores e Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) doados pelo MS.

No pedido, a secretária explica que, por conta da situação provocada pela pandemia do novo coronavírus, o Estado encontra dificuldade para a aquisição dos equipamentos. Simone Papaiz também já havia falado sobre a questão durante a viagem ao interior.

“Apresentamos ao secretário Robson Silva a necessidade da aquisição de 20 respiradores para que os leitos do Hospital de Combate sejam abertos o quanto antes. Por conta do atual cenário, não conseguimos adquirir esses aparelhos e, por isso, precisamos do auxílio do ministério”.

Papaiz também destacou que a preocupação do Governo do Amazonas em relação à saúde indígena tem sido constante. “A questão da saúde indígena tem sido um tema frequentemente tratado pelo governador Wilson Lima e, por isso, nossos esforços para que esses leitos sejam abertos”.