Amazonino: Malversação do erário público prejudica o cidadão do interior

Em visita ao município de Fonte Boa (a 676 quilômetros de Manaus), o governador Amazonino Mendes (PDT), candidato à reeleição pela coligação “Eu voto no Amazonas”, disse que a malversação do erário público resulta em prejuízo ao cidadão do interior. Ele citou como exemplo a transferência de recursos de aproximadamente R$ 70 milhões para a cidade, que não geraram resultados satisfatórios no município. “Estou preocupado com Fonte Boa. Fonte Boa foi o pior exemplo dos governos passados. Como mandam R$ 70 milhões para cá e Fonte Boa é a cidade mais destruída do Amazonas?”, indagou o candidato.

Aos fonte-boenses, Amazonino Mendes reiterou que o voto é a principal ferramenta para evitar que um estado, país e uma nação sejam alvo dos maus gestores. “Votar é uma responsabilidade valiosa. Na verdade, é um crime pegar os recursos públicos, das nossas crianças, doentes, amigos e amigas desempregadas, e roubar. Por isso é importante que você decida o seu voto com responsabilidade e analise quem é o candidato que merece o seu voto”, comentou o governador.

Conforme Amazonino, a cidade, por meio de convênios, recebe investimentos de mais de R$ 8 milhões na recuperação de ruas e vias totalmente destruídas. “Arrumar a casa é cuidar das cidades, do erário público. É isso que o prefeito Biquinho está fazendo aqui em Fonte Boa. E sei que o problema aqui é maior e por isso vamos em breve trazer mais recursos para a cidade ficar todas revitalizada. Se fizemos em todo o Amazonas tantas obras em onze, em quatro anos faremos muito mais”, finalizou Amazonino.

De acordo com o prefeito Biquinho, de Fonte Boa, somente na gestão do governador Amazonino que o município voltou a ter investimentos por parte do Estado. “Nós só temos a agradecer pela responsabilidade e apoio que o senhor tem com o homem do interior. Sozinhos, não conseguimos resolver tudo. Por isso, é importante a parceria com o governo. Conte com o nosso apoio, e aqui o senhor vai ter a maior votação da eleição deste ano”, disse o gestor.

Amazonino fez

Em onze meses de governo, Amazonino Mendes investe em Fonte Boa aproximadamente R$ 25 milhões, dos quais R$ 8 milhões são para a recuperação do sistema viário, R$ 1,1 milhão para a área da saúde, R$ 15 milhões para construção do Centro de Educação de Tempo Integral (Ceti), entre outras ações.

No setor primário, por meio do programa Terra Produtiva, o município vai receber investimentos da ordem de quase R$ 1,2 milhão. Serão fomentados calcário, implementos agrícolas, e auxílio técnico aos produtores, depois da eleição.

Foto: Clóvis Miranda