Take a fresh look at your lifestyle.

Antonio Silva destaca importância do Sinduscon para retomada da economia

-publicidade-

Na cerimônia de posse da nova diretoria do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado do Amazonas (Sinduscon-AM), o presidente da Federação das Indústrias, Antonio Silva, destacou a importância do setor da construção civil, nesse período de recessão, pela capacidade de geração de emprego e renda, itens prioritários para o crescimento econômico do Brasil. “A capilaridade da Construção Civil na economia é extensa e demanda compras e serviços em muitas atividades, o que gera um ciclo virtuoso de crescimento que precisamos recuperar”, explicou Silva.

A nova diretoria do Sinduscon-AM, liderada pelo engenheiro Frank Souza, tomou posse na quinta-feira (4), no Clube do Trabalhador SESI. Na ocasião, Antonio Silva anunciou a criação na FIEAM da Coordenadoria de Infraestrutura, que vai tratar de assuntos relacionados à construção civil.

As bandeiras defendidas pela nova diretoria do Sinduscon abrangem a retomada dos investimentos do programa “Minha Casa, Minha Vida”, e a indicação para que o Programa Brasileiro da Qualidade e Produtividade do Habitat (PBQP-H) se torne um certificado obrigatório às construtoras para que possam participar de licitações públicas, e a renovação e agregação de novas parcerias que contemple maior acesso à educação, saúde e lazer ao trabalhador da construção civil.

Antonio Silva também colocou à disposição o Sistema FIEAM, para contribuir para a defesa e busca de soluções para os desafios da indústria local da Construção Civil.

“Nossa entidade de classe que agrega o SENAI, SESI e IEL estará lado a lado do presidente do Sinduscon e associados, cooperando nas ações de fortalecimento deste importante sindicato, que representa segmento primordial para a nossa economia, haja vista que a Construção Civil tem grande capacidade de elevar a taxa de emprego e geração de renda”, declarou Silva.

Em número de associados, o Sindicato da Construção Civil é um dos maiores sindicatos filiados à FIEAM, constituído por 120 empresas. O Sinduscon-AM representa empresas que são responsáveis por 80% do volume de obras no Amazonas e empregam 66 mil trabalhadores diretamente e cerca de 190 mil indiretamente. A gestão de Frank e de seu vice-presidente, Zacarias Bichara, se estenderá até 2018.

-publicidade-