O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (FIEAM), Antonio Silva, recebeu nesta quarta-feira (11), na sede da entidade, a visita do superintendente do Banco da Amazônia, Donizete Borges, em contato de aproximação da instituição financeira com a representação das classes produtoras da indústria amazonense.

“É importante estreitar esse relacionamento com os empresários locais e para isso estamos marcando uma reunião na primeira quinzena de março aqui no auditório da FIEAM com a presença do presidente do Banco da Amazônia, Valmir Rossi, para tratar dos recursos de que dispomos para o Estado e do cenário econômico do país”, disse Borges.

Segundo o superintendente, o banco disponibilizou R$ 1 bilhão para ser investido no Amazonas, em 2014, e a expectativa é de que o aporte financeiro no exercício de 2015 cresça 30% e chegue a R$1,3 bilhão. Este recurso deve ser financiado nos mais variados segmentos, todos voltados ao surgimento de novos negócios e o aquecimento da economia.

“É uma cifra importante que será destinada para todos os setores produtivos, comerciais, de serviço, industriais, entre outros. O Banco da Amazônia espera contribuir com o aquecimento da economia da região e, para isso, administramos o Fundo Constitucional de Financiamento do Norte, o FNO, que é um financiamento com vários benefícios, dentre eles a carência, prazo de pagamento e juros”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here