As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Após 20 anos, Ray volta ao AM para realizar sonho dos pais

Atacante, nascido no interior do Estado, conta que nenhum de seus familiares o viram jogar profissionalmente

O menino do interior do Amazonas que sonhava ser jogador de futebol, retorna para casa realizado. José Raimundo Souza de Macedo, conhecido como Ray, é de Lábrea-AM, mas fez sua carreira no estado de São Paulo e chegou a Romênia.

Ray teve sua primeira experiência no futebol com times locais, mais precisamente na base do Tarumã-AM, em seguida jogou na Seleção Amazonense e foi campeão da Copa Norte de Seleções, no Pará. Mal sabia ele que aquele jogo mudaria sua vida.

“Um olheiro me viu jogar a Copa Norte de Seleções e me levou para a Portuguesa-SP. Fui vendido por R$ 12 mil na época, daí comecei minha carreira na cidade de São Paulo, joguei em 19 clubes lá”, destaca.

No mundo do futebol, Ray deixou sua marca e superou todas as expectativas. Atacante com faro de gol, teve a oportunidade de atuar na Romênia, ele relembra emocionado as barreiras que enfrentou no país.

“Passei uma temporada na Romênia, jogando no Oradea. Foi uma adaptação difícil, sair do Amazonas, um lugar quente, para um país que tinha 20 graus e a culinária bastante diferente… Estou acostumado a comer feijão, arroz e lá não tem isso, mas sou grato a Deus pela oportunidade. Foi um grande aprendizado”, afirma.

Filho da dona Maria de Fátima e seu Sebastião, Ray, fala que a família foi essencial para sua carreira, lamenta por passar bastante tempo longe e revela que nenhum de seus familiares o viram jogar profissionalmente, mas fez questão de afirmar que voltou ao Amazonas para realizar o sonho de sua mãe de vê-lo atuando.

“Família é base de tudo, sou grato por ter eles em minha vida, mas fico triste pois nunca me viram jogar assim, ao vivo, só em jogos gravados. Eu tinha essa cobrança pessoal, jogar num clube do meu estado e poder levar minha esposa Gabriela, minhas filhas Rayne e Rayene e meus pais durante um jogo meu”, contou.

Em breve, o atacante do Naça vai ter a oportunidade de realizar o sonho dos pais, pois no dia 03 de fevereiro, o Leão da Vila encara o Penarol, em jogo de estreia no Campeonato Amazonense.

“No dia que jogar será especial, meus pais e todos os meus familiares, assim como eu, vamos realizar um sonho. Vou jogar para eles. Por isso, eterna gratidão ao Nacional, pela oportunidade”, disse.

Além da realização familiar, Ray também ressalta o orgulho de voltar a defender as cores de um time da sua terra, mas admite não estava com saudade do calor amazonense.

“Quero frisar, meu orgulho de jogar no Amazonas e, principalmente de defender um clube como o Nacional clube, com uma história vitoriosa, com tradição. Sou amazonense, era meu sonho voltar. Estava com muita saudade daqui. Há 20 de anos jogando em São Paulo, só não estava com saudades do sol ardido”, brincou.

Atacante dos acessos

Revelado no XV de Jaú-SP, Ray, acumula passagens por clubes paulistas como Red Bull Brasil, Ferroviárias, Motonense. Estava no Velo Clube antes de fechar com o Naça. Uma das principais características do atacante são os acessos que tem na carreira, além de ter sido vice campeão da Copa Paulista pelo Redbull Brasil, em 2010.

Em 2006 conseguiu o acesso para a A2 do Paulista, pelo XV Jaú. Em 2013, conquistou o acesso para o A3 do Paulista e foi campeão Paulista com a camisa do Matonense, além do acesso para A2 do Paulista pelo Itapirense, no segundo semestre de 2013.

Em 2014 alcançou o acesso para A2 do Paulista, com o Matonense, depois foi a vez do Barretos-SP conquistar o acesso para A3 do Paulista.

você pode gostar também