Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

Após abuso e agloemração, Praça do Caranguejo é fechada por 15 dias

Nesta segunda-feira (12/04), as forças de segurança pública iniciaram o cumprimento da interdição dos estabelecimentos da Praça do Caranguejo, no conjunto Eldorado, zona centro-sul de Manaus. Reduto tradicional de bares da capital, a localidade recebeu a sanção após flagrantes, no final de semana, de aglomeração e desrespeito às medidas sanitárias para prevenir a Covid-19. A medida foi determinada pelo governador Wilson Lima e seguirá pelos próximos 15 dias.

No comando da Central Integrada de Fiscalização (CIF), o secretário de Segurança, Coronel Louismar Bonates, acompanhou as instalações dos gradis e acompanhou as equipes de fiscais do Procon-AM e Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM).

“Esse é um momento muito sensível que toda a sociedade está vivendo, mas não podemos prevaricar quando se trata da saúde pública. O que foi visto aqui, no final de semana, foi um absurdo, pessoas aglomeradas, parecendo um baile de carnaval fora de época. Isso descumpriu completamente o que foi acordado com o governo do estado para a abertura dos estabelecimentos”, destacou o secretário de segurança, que comandou a ação ao lado do Comandante-Geral da Polícia Militar, coronel Ayrton Norte, e da delegada-geral da Polícia Civil, Emília Ferraz.

Participaram da ação policiais militares do Comando de Policiamento Especializado (CPE), Força Tática e Comando de Policiamento Centro-Sul.

No sábado, após diversas denúncias ao 190, as equipes da CIF se deslocaram para o Eldorado, onde identificaram aglomerações e outras ações que descumprem os protocolos acordados, com o setor de bares e restaurantes, para a reabertura com segurança nesse momento de pandemia. Na ocasião, houve o pedido para dispersão na área e uma operação do Detran flagrou 23 pessoas dirigindo sob efeito de bebidas alcoólicas.

FOTO: Lucas Silva /Secom e Pellegrine Neto / SSP

-publicidade-