As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Arsam lança ‘’Operação dia das Mães’’

A Agência Reguladora dos Serviços Públicos Concedidos do Amazonas (Arsam) intensifica a fiscalização dos transportes rodoviários intermunicipais coletivos de passageiros a partir desta sexta-feira (11/05), durante a ação que integra a Operação Dia das Mães que se estenderá até o domingo (13/05).

Em parceria com Polícia Militar do Amazonas (PMAM), Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) e o Batalhão da Polícia de Trânsito (BPTran) os supervisores de fiscalização da Arsam vão estar presentes nas áreas de maior fluxo de entrada e saída de veículos para capital e interior do Estado. As equipes vão estar distribuídas na Rodoviária Huascar Angelim, no bairro Flores, zona centro-sul de Manaus, na Ponte Rio Negro, no bairro Compensa, zona oeste, que liga à rodovia Manoel Urbano, a AM-070 (Manaus Manacapuru), no entroncamento das rodovias AM-010 (Manaus – Itacoatiara) e BR-174 (Manaus – Boa Vista) e, ainda, no quilômetro 30 da rodovia AM-010.

De acordo com o chefe do Departamento de Transportes da autarquia, Oziel Mineiro, no mesmo período em 2017, 700 veículos foram fiscalizados com aproximadamente 4.000 passageiros saindo da capital e a previsão para o mesmo período desse ano é superior “A expectativa é que 1500 veículos sejam fiscalizados e que 10.000 usuários que utilizam o transporte intermunicipal de passageiros deixem a cidade. Vamos intensificar as fiscalizações e assegurar aos que viajam para celebrar o dia das mães a qualidade dos serviços prestados pelas empresas de transporte”, diz Mineiro.

Com amparo na lei nº3006/2005 a Arsam cumpre a competência de organizar, coordenar, e fiscalizar diariamente a atuação das empresas permissionárias em âmbito intermunicipal realizando abordagens que vistoriam a documentação dos veículos, o estado de conservação dos pneus, se a lotação máxima de passageiros está sendo obedecida, inclusive no caso de afretamento verificam-se os para-brisas para checar se os adesivos oficiais estão anexados no automóvel, uma forma de identificar o cadastramento junto à Arsam e combater os serviços clandestinos.

FOTO: DIVULGAÇÃO/ARSAM