Atletas do Ctara recebem palestra sobre importância da respiração coordenada na prática esportiva

Visando melhorar o desempenho dos atletas em suas modalidades, o Centro de Treinamento de Alto Rendimento da Amazônia (Ctara) realiza, nesta sexta-feira (28/09), a partir das 18h, a palestra “A importância da Respiração Coordenada na Prática de Esporte”.

O evento acontece no auditório da Vila Olímpica de Manaus (avenida Pedro Teixeira, Dom Pedro, zona centro-oeste) e terá como palestrante a fonoaudióloga Marcela Lima. O Ctara é administrado pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).

De acordo com o coordenador do Ctara, Carlos Júnior, a oficina surgiu a partir da necessidade que os atletas têm de aprender a respirar e melhorar seus resultados. A entrada no evento, que é aberto ao público, será um quilo de alimento não perecível.

“Nós percebemos que um número expressivo de atletas, na hora de suas práticas esportivas, respirava errado. Portanto, seguindo nosso calendário de atividades e com o objetivo de que o atleta aprenda a respirar para melhorar seus resultados nos treinamentos e competições, estamos proporcionando essa oficina”, afirmou Carlos.

Perda de desempenho – Palestrante na oficina, Marcela Lima destaca que a respiração errada ocasiona perda do desempenho do atleta em até 30%, e para a atividade, avisa que vai trabalhar a função da respiração e outros fatores importantes.

“É necessário mostrar aos atletas e professores, quais as funções da respiração, quais os tipos e que músculos estão envolvidos nela. É de suma importância verificar os sinais que indicam problemas respiratórios, entre outros fatores. Além disso, falaremos sobre respiração bucal, suas causas e a relação entre esse modo respiratório, a postura e o rendimento do atleta. Tenho certeza que serão momentos de grande aprendizado”, destacou.

Prática – Além dos ensinamentos teóricos, a fonoaudióloga informa que fará exercícios práticos da respiração como instalação da respiração diafragmática, automatização da respiração diafragmática e alguns exercícios físicos utilizando a respiração diafragmática. Tudo isso para melhorar o entendimento tanto do atleta, quanto do técnico ou profissional que deseja saber mais sobre este tema.