Amazonas Notícias

Base Arpão 1: Policiais apreendem 127 cilindros de oxigênio e embarcação avaliados em mais de R$ 3 milhões

Um total de 127 cilindros de oxigênio foram apreendidos, na quarta-feira (06/03), em Coari (a 363 quilômetros de Manaus). A apreensão foi realizada pelas Forças de Segurança, que estão em operação na Base Fluvial Arpão 1, coordenadas pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM). A embarcação que transportava o material também foi apreendida. Com as apreensões, a polícia calcula ter causado danos de cerca de R$3 milhões ao crime.

Durante uma vistoria de rotina, as equipes da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), encontraram a embarcação com 94 passageiros, sete tripulantes, e ainda 127 cilindros que estavam sem a documentação e autorização para o transporte.

Ao ser questionada sobre o material, a tripulação informou que os cilindros haviam sido embarcados no município de Maraã (a 634 quilômetros de distância) com destino à capital amazonense.

Ainda na ocorrência, os agentes solicitaram a documentação da embarcação, e foi constatado que o documento “Passe de saída por período”, apresentava indícios de fraude em relação ao original, que é obtido junto à Capitania dos Portos da Amazônia Ocidental.

Conforme investigação do delegado responsável pelas ações da Base Arpão I, Aldiney Nogueira, uma das suspeitas é de que o oxigênio apreendido poderia ser utilizado para mergulho para retirada de ouro do fundo do rio e os cilindros vazios seriam abastecidos com material diferente para fazer solda, manutenção de dragas e derretimento de ouro para formar as barras.

O responsável pela embarcação e o material apreendido foram encaminhados para a Polícia Civil (PC-AM), que integra as equipes da Base Arpão 1, para instauração de um Inquérito Policial (IP).

FOTOS: Divulgação/SSP-AM

Relacioandos