Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

BNDES destinará R$ 2,3 milhões para ‘Boas Práticas em Economia Solidária’

A Secretaria de Estado do Trabalho do Amazonas (Setrab-AM), por meio de seu Departamento de Geração de Emprego e Renda (DGER), informa aos diversos grupos de empreendimentos solidários do Estado que foi lançado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), em 15 de dezembro de 2014, a 1ª edição do Prêmio BNDES de Boas Práticas de Economia Solidária.
O Prêmio destinará R$ 2,3 milhões para até 96 iniciativas de sucesso em economia solidária, de todo o país, sejam Empreendimentos Econômicos Solidários (EES) formalizados ou em processo de formalização e Redes de Empreendimentos Econômicos Solidários (REES). O Prêmio abrange as seguintes áreas de atuação: Finanças Solidárias; Produção, Comercialização ou Consumo Solidário; e Formação, Educação ou Cultura.

O período de recebimento das inscrições será de 12 de janeiro a 13 de março de 2015, no site do banco (www.bndes.gov.br/).

Os empreendimentos solidários interessados em participar da 1ª edição do Prêmio BNDES de Boas Práticas de Economia Solidária podem buscar informações no site do BNDES ou se dirigir à Setrab-AM (avenida Joaquim Nabuco, nº 919, Centro, zona sul), das 8h às 17h.

Premiação – Cada Empreendimento Econômico Solidário premiado, formalizado ou ainda não formalizado, receberá o valor de R$ 20 mil. Cada Rede de EES contemplada receberá o valor de R$ 50 mil.

Serão destinados, por Estado, até dois Prêmios para EES formalizados e até um para EES ainda não formalizado. Para EES organizados em Rede serão até três premiações por região do Brasil. No total, serão distribuídos até 96 prêmios.

Os recursos distribuídos deverão ser utilizados no fortalecimento e na consolidação das iniciativas agraciadas. No caso dos empreendimentos ainda não formalizados, o Prêmio pretende contribuir com processos de formalização.

A cerimônia de entrega dos prêmios está programada para julho de 2015, em Santa Maria (RS), durante a Feira Internacional de Economia Solidária.

Homenagem – Esta primeira edição do Prêmio BNDES de Boas Práticas de Economia Solidária homenageia Sandra Magalhães, ícone do tema no Brasil, que liderou diversos movimentos em busca de sua evolução, estimulando o fortalecimento das políticas públicas em prol de um novo modelo de desenvolvimento.

-publicidade-