As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Bolsa de estudo permite desenvolvimento de pesquisas da educação básica ao doutorado no Amazonas

Oriundo do município de Nova Olinda do Norte, município amazonense a 135 quilômetros da capital, Rallyson Ferreira é hoje doutorando em Informática. O pesquisador contou contou com bolsa no mestrado e agora também no doutorado da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), por meio do Programa de Apoio à Formação de Recursos Humanos para o Interior do Estado do Amazonas (Proint-AM), para estudar em Manaus, na Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

Rallyson é apenas um dos 5.877 bolsistas beneficiados pela Fapeam em 2019. O auxílio financeiro via bolsa permite que estudantes e pesquisadores como Rallyson Ferreira se dediquem ao estudo, auxiliando em despesas como alimentação, deslocamentos para a universidade e compra de livros e materiais para o desenvolvimento de pesquisas.

“Hoje sou professor em Itacoatiara, mas estou de licença para o doutorado. Para pessoas na minha situação, advindas do interior do Amazonas, o incentivo que a Fapeam oferece é muito importante, pois necessitamos de recursos em inúmeras situações. Primeiro, posso colocar a questão de que alguns estudantes têm família, e sem esses recursos não têm condições de ir para a capital estudar. A segunda questão é quanto a estadia e transporte em Manaus”, disse.

A formação de recursos humanos para Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) é uma das linhas de ação da Fapeam, que possibilita apoiar, por meio de bolsas, a qualificação de estudantes em Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu dentro e fora do estado, visando à instalação de competências profissionais.

A formação de jovens cientistas comprometidos com a realidade do Amazonas tem sido estimulada desde a educação básica, com o Programa Ciência na Escola (PCE) e com o Programa de Apoio à Iniciação Científica (Paic), ambos desenvolvidos pela Fapeam.

Em 2019, 50,7% do orçamento executado pela Fapeam referiu-se a investimentos na formação de recursos humanos, o que propicia atuação de pessoas qualificadas não apenas no ensino e pesquisa, mas também para concorrer a outras vagas no mercado de trabalho e ocupar cargos de alto nível.

“Sabemos da importância desse investimento, que permite ampliar as competências relacionadas à capacitação de pessoal com iniciação científica, mestrado e doutorado no Amazonas. Este tem sido um dos compromissos do Governo do Estado: disponibilizar o pagamento das bolsas em dia para os estudantes envolvidos em projetos apoiados pela Fapeam”, disse a diretora-presidente da Fapeam, Márcia Perales.

Apoio essencial – Carla Andrea Mendonça sabe bem como esta modalidade de apoio tem beneficiado pessoas no Amazonas. Mestranda em Educação e Ensino de Ciências na Amazônia pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA), ela também contou com apoio da Fapeam, por meio do Programa Institucional de Apoio à Pós-Graduação Stricto Sensu (Posgrad). Para ela, que defenderá no mês de março a dissertação, o curso superou as expectativas e foi algo importante para a sua formação, enquanto docente e cidadã.

“O apoio da Fapeam, por meio da bolsa, é algo muito bom, porque o aluno precisa se deslocar, comprar material didático e até mesmo participar de eventos científicos. As bolsas são importantes, principalmente, para auxiliar as pessoas que vêm do interior do estado para se dedicar exclusivamente ao estudo na capital”, comentou.

Hoje doutora em Alimentos e Nutrição e professora da Ufam, no município de Coari, Geina Faria também foi beneficiada pela Fapeam com bolsa durante o mestrado e o doutorado, via Programa de Apoio à Formação de Recursos Humanos Pós-Graduados para o Interior do Estado do Amazonas (RH-Interiorização). Este apoio permitiu sua formação na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp-SP), na área em que sonhava, e retornasse para o Amazonas.

“O apoio da Fapeam para os bolsistas dentro e fora do Amazonas é de suma importância, porque muitas vezes essa é a única renda que a pessoa tem para se manter na execução de seus projetos de pesquisa e também para arcar com participação em congressos e taxas de revistas científicas. As bolsas que recebi foram importantes para minha manutenção e também na execução das minhas pesquisas. Por exemplo, durante o mestrado precisei me deslocar até o município de Coari para coletar dados e, no doutorado, para Manaus”.

Iniciação Científica – A aproximação da ciência com o ambiente escolar permitiu que Romildo Parente, estudante e bolsista do PCE em 2019, na Escola Estadual Maria Madalena Santana de Lima, compreendesse a importância da ciência e como ela está presente na vida das pessoas.

“O projeto do PCE trouxe diversos benefícios para a turma em relação à disciplina de Química. O objetivo foi popularizar a disciplina por meio da elaboração de sorvetes. Isso permitiu sair da teoria e passar para a prática, para que todos pudessem participar e entender como a química realmente funciona e que ela está presente no nosso dia a dia”, comentou.

Mateus Barros cursa Biomedicina no Centro Universitário Fametro, e participa pela primeira vez de um projeto de iniciação científica. A atividade realizada com apoio do Paic/Fapeam é desenvolvida na Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (FHemoam).

“O que me motiva é o grande contato que temos com as atividades de pesquisa da FHemoam. Além das novidades científicas, principalmente na minha área de pesquisa, que é a Imunologia, também somos familiarizados com as novas tecnologias utilizadas para a produção científica, o que proporciona um diferencial para quem participa ou participou do Programa. Acredito que tudo isso nos motiva a adentrar no campo da ciência”, disse.

Editais on-line – Os programas e chamadas públicas para concessão de bolsas são disponibilizados e executados pela Fapeam, por meio de editais públicos, lançados com recursos do Governo do Estado e também por meio de parcerias. Os programas contemplam diversas áreas do conhecimento e abrangem desde a pesquisa básica à aplicada; formação de recursos humanos por meio da concessão de bolsas para alunos da rede pública de ensino fundamental e médio, graduação, mestrado, doutorado do Estado, dentre outros.

Os editais são lançados e ficam disponíveis no site da instituição, no endereço eletrônico www.fapeam.am.gov.br.

FOTO: Érico Xavier/Fapeam