Jair Bolsonaro anunciou o nome do deputado Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS) como ministro da Saúde do futuro governo nesta terça-feira (20).

Esse é o terceiro nome filiado ao Democratas do governo Bolsonaro. O anúncio foi feito pelo Twitter após encontro do presidente eleito com representantes das Santas Casas e deputados da Frente Parlamentar da Saúde.

O deputado escolhido para assumir pasta é médico e ex-secretário de Saúde de Campo Grande (MS). Mandetta está no segundo mandato de deputado federal e não disputou as eleições deste ano.

O nome do parlamentar já vinha sendo especulado para assumir a Saúde há algumas semanas. O próprio presidente eleito chegou a declarar que Mandetta era um dos seus interlocutores para a área e que ele poderia ser o seu ministro da Saúde.

Mandetta já declarou que compartilha do pensamento de Bolsonaro sobre o programa Mais Médicos, criado em 2013, durante o governo de Dilma Rousseff.

Com o apoio da grande maioria dos profissionais de saúde do Brasil, anuncio como futuro Ministro da Saúde, o Doutor Luiz Henrique Mandetta. pic.twitter.com/5ARJpAd60J

O tema ganhou forças após Cuba ter anunciado a saída do programa na semana passada. Segundo Bolsonaro, o governo do país caribenho não concordou com as condições estabelecidas para a continuidade dos profissionais no Mais Médicos.

Em 2013, Mandetta afirmou que os médicos cubanos eram “lançados como balança comercial” por seu país.

Com a colaboração de Juliana Gonçalves, reportagem Thiago Marcolini

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here