Bolsonaro cobra engajamento de parlamentares do PSL

Em uma transmissão ao vivo em sua página oficial no Facebook, o candidato à presidência Jair Bolsonaro, do PSL, pediu o apoio dos 52 deputados eleitos pela legenda para dar mais força à sua campanha nessa reta final de segundo turno. No vídeo, Bolsonaro cobrou mais engajamento dos parlamentares e destacou a influência dele na eleição de boa parte dos congressistas.

O apelo do ex-militar aconteceu depois da divulgação da última pesquisa Ibope, na noite desta quarta-feira. De acordo com o levantamento, o candidato petista Fernando Haddad teria ultrapassado Bolsonaro nas intenções de voto na cidade de São Paulo. Na transmissão ao vivo, Bolsonaro fez um apelo para que os deputados eleitos pelo PSL se unissem nesses últimos dias de campanha.

“Então, nós apelamos para os deputados, senadores, para que não se preocupem com as campanhas de governadores dos seus estados. Eu estou vendo uma briga em São Paulo. Ao invés de brigarem por mim, ficam apoiando um candidato ou outro. Vocês precisam dar a devida resposta. Pelo amor de Deus, deputados eleitos em São Paulo. O objetivo de vocês é Jair Bolsonaro, depois França ou Dória. Pelo amor de Deus, uma briguinha aí. Parece que vocês se elegeram com mérito próprio. Com toda certeza, se alguns tivessem se candidato conseguiriam, mas a grande maioria não. Agora falta trabalhar com seriedade. O que tá em jogo é a cadeira presidencial.”

Bolsonaro também lembrou que os resultados do PSL foram surpreendentes para um partido com apenas oito segundos de TV e um fundo partidário quase zerado. O candidato rebateu as críticas feitas por Fernando Haddad e desmentiu pontos colocados contra ele. Ao lado de Bolsonaro, durante a transmissão, estava o deputado eleito pelo Rio de Janeiro, Hélio Negão.

Reportagem, Raphael Costa