Bolsonaro vota com colete a prova de balas e forte esquema de segurança no RJ

Foto - Reprodução Jovem Pan

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, votou neste domingo (28), às 9h17, na Escola Municipal Rosa da Fonseca, na Vila Militar, em Deodoro, na Zona Oeste do Rio. O capitão do exército estava acompanhado da mulher, Michele. Ele usou colete a prova de balas por baixo de uma jaqueta verde oliva.

O esquema de segurança na zona eleitoral da Vila Militar foi reforçado com grades e uma maior presença da Polícia do Exército. As polícias militar e federal também trabalharam na operação de segurança do candidato do PSL.

Uma hora antes do início da votação, o local passou por uma varredura em busca de bombas ou outros explosivos. Cães e equipamentos foram usados na vistoria de segurança. Além disso, os eleitores que votam na escola Rosa da Fonseca tiveram que passar por uma barreira para revista por integrantes das Forças Armadas. O militar reformado saiu pela porta dos fundos da zona eleitoral e não falou com a imprensa.

Em São Paulo, Fernando Haddad, candidato do PT, votou às 10h18 acompanhado da mulher, Ana Estela, em um colégio na Zona Sul da capital paulista. Vestindo uma camisa azul, o petista falou rapidamente com jornalistas e afirmou que “o Brasil acordou nos últimos dias”. E ressaltou ainda que “o que está em jogo hoje é a democracia”. Perguntando sobre a falta de apoio de Ciro Gomes (PDT), Haddad evitou falar sobre o assunto e disse que não há “nenhuma decepção”.

Reportagem, Tácido Rodrigues

#Eleições2018