O líder do PSDB e presidente da Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado estadual Bosco Saraiva, fez seu primeiro discurso, no Pequeno Expediente desta quarta-feira (4), definindo seu posicionamento em relação à questão cultural, especialmente nas áreas de periferia, tanto da capital, quanto dos municípios do interior. O deputado disse que já conversou com o presidente Josué Neto (PSD) e expôs sua intenção de expandir as ações da comissão junto à juventude de modo geral.

“O que a gente pretende, e eu já até encaminhei uma conversa preliminar com o presidente Josué Neto, é trabalhar no sentido de preencher os ‘buracos negros’ que não estão sendo ocupados pela cultura na cidade de Manaus e nos municípios do interior do Estado”, disse Bosco Saraiva. Ele deu como exemplo a periferia da cidade de Manaus, que tem um quantitativo enorme de adolescentes e jovens que precisam desenvolver as mais diversas formas de arte e precisam de apoio para isso.

Para o presidente da Comissão de Cultura, não será uma tarefa fácil, porque há muitos vácuos na atuação cultural nas periferias, seja do Estado seja dos municípios. “O nosso trabalho vai ser tentar levar o apoio necessário a esse público, através da nossa comissão e da Assembleia Legislativa”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here