Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Campanha pela Reforma Política no Brasil percorre as ruas de Manaus

A coleta de assinaturas de apoio ao projeto de Reforma Política no Brasil está ganhando as ruas de Manaus. Voluntários já percorreram os bairros de Aparecida e Parque 10 de Novembro e vão continuar com a programação nos próximos meses, buscando apoiadores para o Projeto de Lei 6.316/2013, que a altera o Código Eleitoral.

Os voluntários que atuam na coleta das assinaturas estiveram na igreja Nossa Senhora de Aparecida e em estabelecimentos comerciais, como restaurantes, cafés e salões de beleza, explicando o projeto e buscando novas adesões. Segundo o presidente da Comissão de Reforma Política da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Amazonas (OAB/AM), Carlos Santiago, a meta é coletar 60 mil assinaturas no Amazonas, até o mês de março.

O presidente da Comissão explica que não é mais necessário que as pessoas forneçam o número do título do eleitor, para assinar o formulário de apoio. “Essa decisão foi tomada, porque as pessoas não têm o costume de carregar o titulo eleitoral na carteira, então agora, para assinar, é preciso apenas fornecer o nome completo, a data de nascimento e o nome da mãe”, acrescentou.

O formulário de adesão à campanha pode ser obtido no site www.reformademocratica.org.br. Deve ser preenchido e entregue na sede do Sindicato dos Jornalistas do Amazonas, na Praça Santos Dumont, número 15, Centro.

O Projeto de Lei 6.316/2013 estabelece novas regras para financiamento de campanha, prevê a eleição proporcional e representação política de gênero e raça, além da popularização do plebiscito e do referendo, nas decisões dos governos. O projeto é de autoria da Coalizão de Entidades, formada pela OAB, pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), pelo Fórum de Combate à Corrupção no Amazonas, pela Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), Movimento dos Sem Tetos, Sindicatos dos professores, Central dos Trabalhadores Brasileiros (CTB), Central Única dos Trabalhadores (CUT), entre outras entidades.

-publicidade-