Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

Cantor Dominguinhos do Estácio, de ‘Liberdade, Liberdade’, morre no Rio

O cantor e compositor sofreu uma hemorragia cerebral

Por Rafael Damas

Na madrugada desta segunda-feira (31), morreu o cantor e compositor Dominguinhos do Estácio morreu, aos 79 anos, no Rio. O sambista estava internado desde o dia 11 de maio, no Hospital Azevedo Lima, em Niterói e teve uma hemorragia cerebral.

Dominguinhos, que usava o sobrenome, Estácio em homenagem ao bairro onde nasceu no Rio de Janeiro, começou a carreira na década de 1960, na Unidos de São Carlos.

Já nos anos 80 virou um símbolo na Estácio de Sá com muitos sambas de sucesso. Na Imperatriz Leopoldinense foi campeão do carnaval carioca em duas ocasiões: em 1981, com “Só dá Lalá”, e em 1989 com “Liberdade, liberdade, abre as asas sobre nós”.

De acordo com informações do site ‘G1’, em 2020, Dominguinhos sofreu um infarto depois do desfile da Viradouro e foi do Sambódromo direto para o hospital. Além da agremiação de Niterói, ele também teve passagem pela Grande Rio.

O sambista já levantou a taça de campeão do carnaval do Rio por cinco vezes.

Foto: Divulgação

Fonte: Notícias ao Minuto Brasil

-publicidade-