As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Carreteiro vs Vigilante: choque de coadjuvantes no Big Way Fight Night 2

Eles nem estavam no card, mas entraram última hora na programação do Big Way Fight Night 2, evento de MMA que vai movimentar o Sport Bar (rua Rio Madeira, Vieiralves, Manaus) na noite deste sábado, 23 de julho. Os coadjuvantes Rosilano Serrão e Rubem Souza vão disputar categoria galo (até 61 kg) de olho no protagonismo.

Faixa preta de jiu-Jítsu, Rosilano, de 31 anos, se dividia entre os treinos da arte suave com o trabalho como carreteiro, fazendo a rota de cargas entre Manaus e Boa Vista. “Mas a crise econômica, infelizmente, diminuiu a demanda e estou sem emprego atualmente. Então resolvi me aventurar no MMA e mostrar meu valor na luta”, disse o atleta da academia Manaus Dojô/Checkmat.

Até o dia da pesagem do Big Way Fight Night 2, Rosilano era um mero admirador do esporte. Foi ao Sport Bar na manhã de sexta-feira, 22, para ver os colegas do MMA, mas acabou herdando a vaga de Luiz Guerreiro, que ficou fora do evento por recomendação médica. “Aceitei na hora o convite do Rafael Ceará (organizador) e espero agarrar essa oportunidade”, emenda o carreteiro.

Supercampeão no kung fu, Rubem, de 21 anos, que representa as academias Nonato Muay Thai e Team Cardoso, também é um trabalhador fora dos octógonos. Ele nem ira competir no Big Way, mas substituiu Luiz Artur (Smith Luta Livre) no card do evento. Longe dos holofotes do esporte, ele ganha a vida como vigilante. “Uma rotina difícil, mas quem é da luta sabe que é preciso se superar a cada dia”, enfatiza o guerreiro.

Ambos os atletas ainda buscam reconhecimento no MMA profissional. O objetivo de Rosilano e Rubem é vencer e entrar no Sherdog, currículo internacional dos lutadores para onde a organização do Big Way manda os resultados oficiais.

“Entramos como coadjuvantes, mas vamos buscar a luta em pé e procurar dar um show. Com certeza, vamos fazer um grande combate e mostrar o nosso trabalho”, conclui Rubem, que vem de sete vitórias consecutivas nas competições de muay thai.

Ingressos
Os ingressos antecipados para o Big Way Fight Night 2 custam R$ 35 (arquibancada), R$ 50 (cadeira), R$ 70 (camarote) e R$ 200 (mesa). Informações pelo telefone (92) 99339-1861.

Card do Big Way Fight Night 2 (atualizado em 22/07/2016):

Até 52 kg (palha) – Herbert Boyca (Equipe João Neto BJJ) x Marcelo Louro (MPBJJ/Nova União – disputa de cinturão

Até 61 kg (galo) – Franciele Nascimento (Projeto Nandinho) x Fabiulane Silva (The House/Coari/ Shinshukan)

Até 57 kg (mosca) – Deigrison Jacarezinho (Alfa) x Levy Amorim (Academia Shinshukan de Karatê)

Até 66 kg (pena) – Sotero Neto (Smith Luta Livre) x Alan Soares (Jungle Real)

Até 77 kg (meio médio) – Caio Dolzany (Segadilha) x Fabiano Franco (Alfa)

Até 84 kg – Patric “Brabão” Oliveira (MPBJJ/Nova União) x Stefeson Peixoto (Leopoldo Montenegro JJ/Azam)

Até 57 kg (mosca) – Rubem Souza (Nonato Muay Thai/Team Cardoso) x Rosilano Serrão (Manaus Dojô/Checkmat)

Até 84 kg (médio) – Thiago Buda (Garagem Jiu-Jítsu/Nova União) x Jackson Velasco (CT Brunocilla/Of MMA)

Até 52 kg (palha) – Alisson Gadita (Marcelo Gadita) x Daniel “Gadita Melo (Império CT)

Até 61 kg (galo) – Nalva Freitas (Clube Freitas) x Débora Alves (FitOne/Gaúcho Top Team)