A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe de investigação da 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) e Posto Policial Integrado (PPI) do Distrito de Cacau Pirêra, ambos situados em Iranduba, deflagrou, na manhã desta terça-feira (05/06), ação policial que resultou nas prisões, em flagrante, de Magno Carvalho Pinheiro, 25, o “Xappa”, e Raquel Ferreira Pereira dos Santos, 18, envolvidos com o tráfico de drogas naquele município, distante 27 quilômetros em linha reta de Manaus.

A ação, coordenada pelas delegadas Sylvia Laureana, Suely Costa e Linda Glaucia Moraes, respectivamente titular e adjunta da 31ª DIP e titular da PPI, teve início por volta das 6h. Conforme Laureana, durante as diligências, os policiais civis apreenderam armas, munições, drogas e dinheiro.

Sylvia Laureana ressaltou que os trabalhos tiveram por objetivo identificar e prender os autores do homicídio de Mailson Pontes Teixeira, ocorrido no dia 8 de maio deste ano, na Comunidade São Sebastião da Serra Baixa, em Iranduba, além de apreender as armas utilizadas no crime.

“As investigações foram iniciadas após recebermos denúncia anônima, informando que os autores do homicídio de Mailson estariam em uma casa localizada em frente à praça daquela comunidade e que aquele imóvel funcionava como ponto de encontro para discutir assuntos relacionados ao tráfico de drogas no lugar”, explicou a delegada titular da 31ª DIP.

No local indicado os policiais civis prenderam “Xappa”. Durante buscas na residência, foram encontradas três espingardas calibre 16. Todas com a numeração suprimida. Foram apreendidas, ainda, 11 munições intactas de calibre 16, cinco munições intactas de calibre 36, 26 trouxinhas de oxi, uma porção de maconha, um celular e R$ 177 em espécie.

“Ao chegarmos na casa onde “Xappa” estava, avistamos um adolescente que, ao notar a nossa presença, conseguiu empreender fuga, levando um revólver calibre 38. Em razão disso, Magno também foi autuado em flagrante por corrupção de menores. O infrator afirmou, em depoimento, que uma das espingardas apreendidas com ele foi utilizada no homicídio de Mailson. Todas as armas foram enviadas para perícia, a fim de identificarmos a prova do crime”, disse Laureana.

Continuação – Em ato contínuo, os policiais seguiram para a residência de Raquel, também localizada em frente à praça daquela comunidade. Com a jovem foram apreendidas 25 trouxinhas de oxi, além de R$ 50 em espécie, provenientes do tráfico de drogas no lugar.

Laureana explicou que a dupla integra um grupo chamado “Bonde do Limpa”, criado há dois meses no local, por traficantes advindos de Manaus. “Em depoimento na delegacia Magno e Raquel relataram que recebiam ordens de uma pessoa ainda não identificada, diretamente de umas das cadeias da capital, para tomarem os pontos de vendas de drogas do município e matarem os inimigos do grupo”, relatou a delegada.

Magno e Raquel foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas.“Xappa” irá responder, ainda, por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e corrupção de menores. Após os procedimentos cabíveis na 31ª DIP, Magno será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM) e Raquel levada ao Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF), ambos no quilômetro oito da rodovia federal BR-174, zona rural de Manaus.

FOTOS: Divulgação / Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do Estado do Amazonas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here