Take a fresh look at your lifestyle.

Cema recebe 7,5 mil ampolas de Atracúrio compradas pelo Governo do Amazonas

-publicidade-

Medicamento teve alta no consumo de mais de 3.700% nas unidades de saúde do Estado, sendo o remédio mais utilizado do ‘kit intubação’

A Central de Medicamentos do Amazonas (Cema) recebeu, nesta segunda-feira (01/02), a terceira remessa do medicamento Atracúrio, um bloqueador neuromuscular. São 7,5 mil ampolas de uma compra de 27 mil unidades, feita pelo Governo do Amazonas, para abastecer a rede de saúde do Estado.

O medicamento é um dos componentes do kit intubação, muito usado em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), o qual teve aumento considerável da demanda por conta da pandemia de Covid-19. Na última sexta-feira (29/01), a SES-AM abasteceu a rede estadual com um total de 92,9 mil medicamentos para intubação.

“O Estado tem enfrentado dificuldades no recebimento de itens já adquiridos pela Cema, pois a demanda nacional por bloqueadores musculares está alta em todo o país. Mesmo diante desse cenário, nós, com o apoio do Ministério da Saúde, conseguimos abastecer todas unidades de saúde que mais necessitavam do item no momento”, afirmou o secretário estadual de Saúde, Marcellus Campêlo.

O coordenador da Cema, Cláudio Nogueira, destacou a importância do abastecimento desta segunda-feira (01/02) para o Estado. Segundo ele, o Atracúrio é o medicamento com a maior demanda nas unidades de saúde do Amazonas, com aumento no consumo de 18.233% em relação ao período pré-pandemia.

“Hoje, a demanda de Atracúrio, na rede estadual de Saúde, gira em torno de 100 mil ampolas por mês. E há uma grande dificuldade de aquisição dessa medicação no mercado em todo o país. Por isso, essa entrega acontece em um momento decisivo, pois nos dá fôlego para programar as próximas aquisições, com a segurança necessária para manter o abastecimento desse insumo tão importante para os pacientes ”, explicou.

Proposta vencedora – Com proposta de R$17,66 a unidade, a Distribuidora Moderna venceu a dispensa de licitação realizada em dezembro. A proposta vencedora está R$1,86 abaixo do preço da tabela da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED), da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), na qual o produto figura com o valor de R$19,48.

A tabela CMED serve de parâmetro para o mercado farmacêutico, de modo que laboratórios, distribuidores, importadores, farmácias e drogarias não podem cobrar preço superior. O valor total para aquisição das 27 mil ampolas é de R$476.820. Do total de ampolas adquiridas, ainda faltam ser entregues 3,3 mil unidades, pela fornecedora à Central.

Tratativas para aquisição – O coordenador da Cema informou que a Central já iniciou os procedimentos para realizar um novo chamamento público, para a aquisição de mais ampolas de Atracúrio.

“Além disso, nós estamos em negociação direta com o Ministério da Saúde e o Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass), para adquirir os medicamentos do kit intubação por meio da ata de registro de preços centralizada, a qual é gerenciada pelo Governo Federal, que deve permitir adquirir o Atracúrio e outros medicamentos por um preço menor”, explicou.

Nogueira reforçou, também, que tem solicitado apoio do Ministério para suprir a demanda do Estado, enquanto a Central atua em outras possibilidades de aquisição, a fim de evitar o desabastecimento do item.

FOTO: Jamile Alves/Cema

-publicidade-