Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

Central de Fiscalização fecha festa clandestina e vistoria 74 estabelecimentos em Manaus

Neste final de semana, em Manaus, a Central Integrada de Fiscalização (CIF) vistoriou 74 estabelecimentos e fechou três locais, sendo um deles uma festa clandestina no bairro Petrópolis, zona sul da capital. As vistorias foram registradas entre a sexta-feira (26/03) e a noite deste domingo (28/03).

Dez estabelecimentos foram notificados por descumprimento das medidas sanitárias de prevenção da Covid-19, além de estarem funcionando fora do horário permitido. Dezoito veículos também foram autuados pelo Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU).

Em uma das ocorrências, na noite de sexta-feira, na avenida Via Láctea, bairro Adrianópolis, zona centro-sul de Manaus, o estabelecimento Sr. Beef Casa de Carnes, que também funciona como bar, foi autuado pela Vigilância Sanitária municipal (Visa Manaus) por descumprimento do decreto governamental.

Foi constatado pelos fiscais que o local funcionava com aglomeração de pessoas, consumo de bebidas alcoólicas e fora do horário permitido. O espaço foi interditado por já ser reincidente. Na mesma avenida, o estabelecimento Open House também foi autuado por aglomeração.

No sábado (27/03), o estabelecimento Divino Gastro Bar, na rua do Comércio, bairro Parque Dez, zona centro-sul, foi notificado pela Visa Manaus por funcionar com descrição de atividade principal de bar.

Na manhã de domingo, o café da manhã do Rosinaldo, localizado na Praça 14, zona centro-sul, foi autuado por não possuir licença sanitária. À noite, o Lanche Energia, na avenida Airão, no Centro de Manaus, foi notificado por estar funcionando com clientes consumindo no local.

Festas clandestinas – Ainda no domingo, os agentes receberam uma denúncia de festa clandestina no bairro Redenção, na zona oeste. Quando as equipes de fiscalização chegaram ao local, a festa já havia sido encerrada. A delegada Elizabeth de Paula, que esteve à frente das vistorias deste domingo, explicou que o responsável será notificado.

“Recebemos uma denúncia de que havia uma festa no bairro Redenção, mas não registramos o flagrante. Porém, será feito um procedimento criminal na Delegacia Geral, pois encontramos indícios de festa”, disse a delegada.

Na sexta-feira, a barbearia Boleragem foi autuada pelo Instituto Estadual de Defesa do Consumidor (Procon-AM). Cerca de 35 pessoas estavam no local consumindo bebida alcoólica. O dono do estabelecimento foi levado à delegacia.

FOTO: Pelegrine Neto/SSP-AM

-publicidade-