Centro de Convivência da Família Teoniza Lobo está com inscrições abertas para modalidades esportivas

Com aproximadamente 320 vagas para diferentes modalidades esportivas, o Centro de Convivência da Família Teoniza Lobo, localizado no bairro Mutirão, zona leste de Manaus, está com inscrições abertas. As atividades são promovidas pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel) e, entre as práticas oferecidas estão o futsal feminino, vôlei de areia, queimada, handebol, basquete, muay thai, taekwondo e kenpo.

De acordo com a coordenadora do Centro, Terezinha Morais, qualquer pessoa pode se inscrever nas atividades oferecidas. “Aqui temos muitas aulas e queremos que a população possa participar conosco em todos os horários. Para se inscreverem, os interessados devem trazer cópias do RG, CPF, comprovante de residência e duas fotos 3×4. Os que tiverem filhos menores de idade deverão trazer a certidão de nascimento da criança. Aqui fazemos cerca de 10.800 atendimentos mensalmente e proporcionar mais qualidade nos serviços oferecidos pela Sejel é algo que buscamos colocar em prática sempre”, disse.

Com aulas pela manhã, tarde e noite, além das novas modalidades, o Centro oferece ainda futsal masculino, caminhada orientada, crossfit, karatê, gerontoalongamento, aeróbica e aulas de ritmos, com a participação do “Mexa-se Dance”, que é um programa oferecido pela Sejel, que leva atividades físicas e qualidade de vida à população através da dança.

Karatê – Há 15 anos ensinando karatê, o professor de Educação Física e faixa preta da modalidade, Luciano Araújo, de 32 anos, disse que as aulas oferecidas no Centro podem ser praticadas por qualquer pessoa e todos são bem-vindos para aprender essa arte marcial.

“Queremos que cada vez mais adeptos possam participar e conhecer o karatê. Aqui já formamos campeões brasileiros e iremos competir no mês de novembro, o Campeonato Sul-Americano, em Boa Vista. Nossas aulas são realizadas às terças e quintas, das 18h às 19h, e ainda temos vagas para esta modalidade”, afirmou.

Praticante de karatê há quatro anos, o faixa verde (3º kyu) Oseias Bandeira, de 41 anos, sempre teve interesse na modalidade. “Sempre assisti muitos filmes de artes marciais e o que mais me chamava a atenção era o karatê. Decidi aprender e hoje já estou competindo, inclusive, com minhas filhas, que também participam das aulas aqui no Centro. Moramos no bairro Jorge Teixeira e como é bem perto daqui, podemos vir sempre”, destacou.

Para a filha de Oseias, Ana Elizabeth, de nove anos, o karatê é muito divertido e ensina muitas coisas. “Luto desde os quatro anos e sempre gostei de assistir filmes com meu pai. Comecei a treinar no bairro onde eu moro e depois vim pra cá acompanhar meu pai e sempre lutamos juntos. Já ganhei muitas medalhas em competição e espero lutar fora de Manaus. Eu, minha irmã e meu pai sempre estamos com vontade de vir pra eula, então nunca faltamos. É muito legal”, disse.

Foto: Mauro Neto