Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Centro de Testagem e Aconselhamento – Policlínica Gilberto Mestrinho realiza treinamento de profissionais

A Policlínica Gilberto Mestrinho, em parceria com a Coordenação Estadual de Infecções Sexualmente Transmissíveis e Aids (IST/Aids) e Hepatites Virais, da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), realizou um treinamento com profissionais de saúde para o atendimento no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA). A capacitação iniciou no último dia 04 de maio e encerrou ontem (07/05).

O CTA disponibiliza para a população os testes de HIV, sífilis e hepatites virais (B e C), além do serviço de aconselhamento e orientação para o acompanhamento na rede de saúde, para os casos positivos.

As atividades contaram com oficinas de técnicas de testagem, manejo de sífilis e epidemiologia. Para a coordenadora estadual de IST/AIDS e Hepatites Virais, Vanessa Homobono, esse treinamento é importante para melhorar e ampliar o atendimento. “A equipe de bombeiros vai somar com a Policlínica, atuando diretamente no Centro de Testagem e Aconselhamento, aumentando ainda mais os serviços prestados à população com esses atendimentos”, destacou.

Como parte do termo de Cooperação entre Governo do Estado, SES-AM e Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), o treinamento contou com a participação de 17 profissionais da equipe de bombeiros, como técnicos de enfermagem, enfermeiros e assistentes sociais. A previsão é que a nova equipe possa começar a atender em conjunto, a partir do final do mês de maio.

Serviço – Em funcionamento desde abril de 2019, o CTA da Policlínica Gilberto Mestrinho realiza, diariamente, testes de HIV, sífilis e hepatites virais (B e C), essenciais para a prevenção e controle das doenças sexualmente transmissíveis.

O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h. Os testes podem ser feitos por pessoas acima de 18 anos e menores de idade acompanhados dos pais ou responsáveis, com demanda livre, sendo necessário levar apenas o cartão do SUS e um documento de identificação. Também são realizados aconselhamentos pré e pós-teste, uma conversa com os profissionais antes e depois da realização dos exames para acompanhamento e orientação dos casos.

O enfermeiro Bruno Fernandes faz um alerta e convida as pessoas que tiveram exposição em relações sexuais sem preservativo a procurar o serviço. “Quanto mais precoce, mais fácil fica para viver com HIV e outras infecções sexualmente transmissíveis. Tire a dúvida e saia do medo, venha testar”, enfatizou.

O CTA da Policlínica Gilberto Mestrinho realiza cerca de 30 testes diariamente. Com o treinamento de novos profissionais, a expectativa é que esse número aumente e que a população busque mais do serviço.

Demais unidades – Além da Policlínica Gilberto Mestrinho, a rede estadual de saúde oferta os testes na Policlínica Antônio Aleixo, na zona leste, e na Fundação Alfredo da Matta (Fuam), na Cachoeirinha, zona sul, no CTA do Centro de Atenção à Melhor Idade (Caimi) Ada Viana, na Compensa, zona oeste; e na Fundação de Medicina Tropical Doutor Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD), zona centro-oeste.

Na atenção básica, os testes são realizados nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) da capital e interior.

FOTO: Divulgação/SES-AM

-publicidade-