Amazonas Notícias

Centro Estadual de Convivência promove torneio de futsal para crianças e pré-adolescentes da comunidade

Competição foi organizada em alusão aos 33 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA)

O Centro Estadual de Convivência da Família André Araújo, localizado no bairro da Raiz, zona sul da cidade, realizou na tarde desta terça-feira (18/07) o 1º Torneio de Futsal voltado às crianças e pré-adolescentes da comunidade. O campeonato contou com a participação de seis times, totalizando 30 participantes, sendo 25 meninos e 5 meninas, na faixa etária de 7 aos 12 anos.

Mas os atrativos do evento esportivo não se restringiram apenas às disputas em quadra. Em paralelo à competição, as crianças participaram de atividades de abordagem sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), sancionado em 13 de julho de 1990 (Lei nº 8069/90), tendo completado na semana passada 33 anos de criação.

O diretor em exercício da unidade André Araújo, Isaac Rachid, disse que como forma de assegurar o direito das crianças e dos adolescentes, é preciso proporcionar o lazer, um direito adquirido, que precisa ser colocado em prática. “A criança não vem somente chutar uma bola, mas participar de um direito assegurado por meio do ECA”, disse.

Isaac Rachid destaca ainda que não basta falar sobre esses direitos, é preciso praticá-lo na ponta, “Nosso papel é trazer a criança para dentro do aparelho público e fazer com que ela participe das atividades do centro de convivência e tenha frequência no projeto”, frisou.

Para João Miguel, de 8 anos, jogar bola lhe desperta muitos sentimentos e o maior de todos é a paixão pelo esporte. “Quando chego no campo, eu fico muito nervoso. Mas quando eu ganho, fico muito feliz, comemoro com meus colegas. Quando perco, fico triste. Eu gosto muito de jogar futebol”, disse o jovem.

O 1º Torneio de Futsal do André Araújo, realizado na quadra do centro, contou com a participação dos integrantes do projeto Mais Vida, voltado ao esporte e lazer, juntamente com o corpo psicossocial do Projeto Rede de Proteção da Seas.

Mantido pelo governo do Amazonas, o CECF André Araújo é um dos sete centros administrados pela Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas), promovendo a integração dos serviços da rede socioassistencial do Sistema Único de Assistência Social (Suas). Para isso, a Seas trabalha em parceria com outras secretarias estaduais, que juntos propiciam cursos de capacitação profissional, atividades físicas e culturais para crianças, jovens, adultos, idosos e pessoas com deficiência.

Foto: Jimmy Christian/Seas

Relacioandos