Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Cetam realiza acolhimento de alunos de cursos técnicos e especializações técnicas

O Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) fez, hoje (15/03), a acolhida dos alunos de cursos técnicos e especializações técnicas que estão se preparando para iniciar as aulas por meio de ensino remoto.

O grupo, formado por 945 alunos, passou no processo seletivo de 2020 para uma das três unidades do Cetam na capital: Instituto Benjamin Constant (IBC), Escola Enfermeira Francisca Saavedra e Escola Padre Estelio Dalison.

As aulas iniciarão na próxima segunda-feira (22/03), nos turnos da manhã, tarde e noite. O encontro de hoje foi com os diretores das unidades, equipe da secretaria e coordenação pedagógica para que fossem tiradas dúvidas diversas.

O diretor-presidente do Cetam, Prof. Dr. José Augusto de Melo Neto, reforçou o comprometimento da instituição com a promoção da educação profissional. “Apesar de estarmos em um período de pandemia, não podemos parar. Lançamos o ‘Guia metodológico de ensino remoto’ no último dia 15 de fevereiro. O interior também vem sendo beneficiado com aulas virtuais”.

A diretora da Escola Estelio Dalison, professora Arlene Bonfim, reforçou que essa acolhida é de extrema importância, diante de tantas incertezas vistas no mundo por conta do novo Coronavírus. “Explicamos sobre a estrutura curricular dos cursos, critérios de avaliação, frequência, cancelamento de matrícula, dentre outras dúvidas que surgiram”.

O diretor do Saavedra, professor Salatiel Gomes, reforçou, no acolhimento, o compromisso do Cetam para com a aprendizagem dos estudantes. Segundo ele, no encontro foram passadas informações a respeito da dinâmica de execução das aulas, além de questões institucionais como carteirinha estudantil e regras de Netiqueta (a etiqueta recomendada no uso da internet).

Ingrid Viana, técnica em Hemoterapia, participou da acolhida do Saavedra. Ela vai iniciar a especialização técnica em Imuno-hematologia e diz estar ansiosa por esse retorno à sala de aula, mesmo que virtualmente. “Não vejo a hora de voltar a estudar”, diz, ressaltando que a modalidade remota, ofertada pelo Cetam, tem tudo para garantir que os alunos adquiram conhecimentos.

FOTO: Cleudilon Passarinho/Reprodução

-publicidade-