Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Colaboradores da Aadesam recebem treinamento para apoio ao TRE-AM nas Eleições 2020

Técnicos de Transmissão e de Urna realizam etapa de preparação na sede do Tribunal Regional Eleitoral

Colaboradores da Agência Amazonense de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental (Aadesam) estão recebendo treinamento para atuar nas áreas rurais da capital em apoio ao Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) nas Eleições 2020. Após uma etapa realizada de forma virtual, com aulas sobre o funcionamento do sistema eleitoral brasileiro e o trabalho de mesário, técnicos de Transmissão e de Urna agora participam de etapa prática do treinamento, na sede do Tribunal.

Dentre as atividades abrangidas nesta etapa da formação, incluem-se a visão geral do processo eleitoral no Amazonas, a transmissão de dados com a utilização do equipamento BGAN (satélite) e o trabalho de contingência de urna eletrônica.

A colaboradora Claudeneila da Silva Costa afirmou que já trabalhou nas eleições como mesária e que agora, na função de técnica de transmissão, não está encontrando dificuldades para se adaptar. “O treinamento está sendo bem explicado. A equipe de treinamento do TRE-AM está atenta qualquer dúvida que tivermos, ao menos as dúvidas que tive. Na entrega de documentações também, fomos bem assistidos pela Aadesam”, garantiu.

Ao todo, 695 pessoas, entre técnicos de urna e de transmissão, foram contratados pela Aadesam, por meio do Processo de Credenciamento de nº 008 Aadesam/TRE, para prestar apoio logístico ao Tribunal Regional Eleitoral nos 62 municípios do Amazonas.

No dia do pleito, os profissionais auxiliarão em possíveis problemas de funcionamento da urna e, após o encerramento da votação, vão realizar a transmissão dos dados da eleição.

Técnicos em Atalaia do Norte – Oito técnicos de transmissão contratados pela Aadesam estão em Atalaia do Norte (a 1.138 quilômetros da capital) e deverão ser encaminhados, nesta quinta-feira (12/11) para áreas indígenas de difícil acesso, dentro do território do município. Na terça-feira (10/11), eles tiveram uma reunião na sede do Cartório Eleitoral da 42º Zona, onde foram informados sobre a logística de transferência dos técnicos até os pontos de transmissão e votação.

A comunidade Maronal é um dos pontos de transmissão mais distantes, situado a mais de 230 quilômetros da sede de Atalaia do Norte. O acesso a essas localidades será realizado por meio de helicóptero.

Prevenção – Antes de saírem de Manaus, na última semana, todos os técnicos foram submetidos a exames RT-PCR para detecção de Covid-19 e, após chegar ao município, ficaram de quarentena e passaram por uma outra avaliação médica. O objetivo é garantir que não haja qualquer tipo de transmissão, visto que nessas áreas existem muitas aldeias isoladas, onde os índios não tiveram contato com a doença.

FOTO: Israel Uchôa/Aadesam

-publicidade-