As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Com apoio da Sepror, agricultores do Amazonas entregam primeira remessa de alimentos do PAA para entidades socioassistenciais do estado

A Secretaria Estadual de Produção Rural (Sepror) realizou, na manhã desta terça-feira (22/10), a primeira entrega de alimentos regionais, por meio do Programa de Aquisição de Alimentos – PAA (compra com doação simultânea), referente ao biênio 2019/2020. As frutas, verduras e legumes regionais são produzidos por agricultores familiares cadastrados no PAA e foram doados para sete instituições socioassistenciais na Central de Abastecimento da Agricultura Familiar, localizado em Iranduba, no quilômetro 02, da rodovia Manoel Urbano.

O coordenador do PAA no Amazonas, Tanis Castro, explica que a abertura do programa, irá beneficiar centenas de famílias ao longo de sua execução. “Começamos a executar o termo de adesão entre Sepror, ADS (Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas), Idam (Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas), Adaf (Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas) e Ministério da Cidadania, em 55 municípios do Amazonas. Hoje, estamos entregando para as entidades de Manaus, onde nós temos 30 instituições que vão receber alimentos da agricultura familiar”, afirmou Tânis.

Sete agricultores familiares da Região Metropolitana de Manaus (RMM) entregaram cerca de 32 toneladas de alimentos para sete instituições, atingindo um público de 1.300 pessoas. Elas irão receber um mix de frutas, legumes e hortaliças, incluindo abóbora de leite, melancia, banana clonada, pimentão, pimenta de cheiro e mamão, totalizando R$ 54.500,00 em recursos federais do programa, para os produtores.

Incentivo – Sonhando com maiores investimentos na propriedade em vive, o agricultor familiar, Rondiney Vieira, morador do Paraná da Eva, localizado na RMM, conta que o dinheiro recebido, através do PAA ajudará a comprar um veículo motorizado. “Estamos batalhando aqui pra ver se a gente consegue, por meio desse programa, vender ainda mais produtos e adquirir um transporte para que possamos ter mais produção na nossa região. Mas graças a Deus está dando tudo certo”, agradeceu.

Beneficiada com a entrega de frutas e verduras, que alimentarão 61 famílias cadastradas, a presidente da Associação Amazonense de Integração de Pais de Deficientes Mentais (Ademe), Eliana Castro, conta que é muito importante fazer parte desse programa. “Muito gratificante fazer parte do projeto, não somente pela instituição, mas pelas famílias que recebem os alimentos. Eles são de famílias carentes, que precisam muito desta atenção especial. Os alimentos são repassados para as famílias e com a outra parte é feito um lanche no local para eles. O PAA é um trabalho importante, feito por pessoas sérias e responsáveis e com produtos de boa qualidade”, declarou Eliana.

PAA no Amazonas – No Amazonas, são 55 municípios atendidos e 145.485 beneficiados diretos e indiretos. A expectativa é entregar 1.700 toneladas de alimentos para 89 entidades cadastradas, onde será executado o valor de 4 milhões de reais.

Inspeção – Durante a entrega, também ocorre a inspeção de todos os alimentos produzidos pelos agricultores, para que haja garantia de que os produtos têm boa procedência e qualidade e para que possam ser doados às famílias carentes amazonenses.

FOTO: DJALMA JÚNIOR/SEPROR

você pode gostar também