Com assistência técnica do Idam, produção de café avança em Nova Olinda do Norte

No município será implantado viveiro com capacidade para 34 mil mudas de café em dois ciclos

O Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam) realizou, na última semana, visitas técnicas e entrega de materiais para implantação de um viveiro de mudas de café em Nova Olinda do Norte. A iniciativa faz parte das ações do Projeto Prioritário do Café para o município e conta com a cooperação técnica da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

Segundo a engenheira agrônoma do Idam e coordenadora do Projeto Prioritário do Café, Ana Cecília, o município tem aptidão para a produção de café. “Observamos in loco plantios já existentes na região e o viveiro de café, que será implantado no município, terá capacidade para 34 mil mudas em dois ciclos”, destacou.

O viveiro será implantado na comunidade de São José e irá beneficiar 42 famílias rurais. Foram entregues materiais como caixa d’água, tela sombrite, material de irrigação, entre outros para o início da construção dos viveiros de café que serão referência no município.

Para a agricultora Vanda Maria dos Santos, 70, nascida e criada na comunidade do São Jose, é muito importante essa presença de profissionais especialistas na cultura do café. “É tão bom essa representação do café, minha família é grande e agora terá essa oportunidade. Vamos fazer esse trabalho com muita fé, carinho e responsabilidade para melhorar a nossa comunidade e o trabalho do nosso povo”, destacou Vanda.

De acordo com o técnico em agropecuária e gerente da Unidade Local do Idam, Valdo Silva, os Projetos Prioritários que estão sendo implantados em Nova Olinda do Norte servirão como um instrumento técnico educativo, os quais irão dar uma identidade produtiva para o município.

“Hoje, o Idam está chegando com uma nova ideia e uma nova planta para a execução dos Projetos Prioritários. É um novo momento que a assistência técnica vive no município. Estamos trabalhando com o diagnóstico dos produtores e a meta é atender 100 famílias com os projetos voltados para as culturas do açaí, cacau e café. Vamos responder de forma positiva para os produtores que trabalham com essas culturas”, pontuou Valdo.

Outras culturas – No município, também foram realizadas visitas ao viveiro e Unidade Demonstrativa (UD) do Projeto Prioritário de Açaí, localizados no Assentamento PA Paquequer. O projeto de implantação está em fase de perfuração do poço artesiano e instalação do sistema de irrigação.

Para os viveiros de cacau, a equipe técnica do Idam entregou caixa d’água, sombrite, material de irrigação para início da construção dos viveiros, na estrada Curupira, km 17.

FOTO: Divulgação/ Idam