Ouvidorias das esferas estadual, municipal e federal se mobilizam para realizar a Corrida de Ouvidorias. O evento esportivo deve acontecer até o mês de dezembro de 2018 com a proposta de divulgar o conceito de ouvidoria, as ações e os serviços oferecidos pelo setor dentro das instituições em cada segmento. A corrida pedestre, de iniciativa do Tribunal Regional do Trabalho – TRT 11ª Região, é organizada, no âmbito estadual, pela Controladoria-Geral do Estado (CGE) por meio da Subcontroladoria-Geral de Ouvidoria.

De acordo com a subcontroladora-Geral de Ouvidoria, Seilani Almendros, a divulgação dos serviços a partir da prática esportiva é positiva e contribuirá para a disseminação do que é a ouvidoria e os meios para atendimento ao cidadão. “Nosso intuito é tornar as ouvidorias conhecidas e informar ao cidadão que ele pode contar com ferramentas como o Sistema de Ouvidorias (e-OUV) para buscar a garantia dos seus direitos nos serviços públicos. A corrida será um meio de estarmos próximos à população para divulgar os serviços essenciais”, informou Almendros.

Segundo o corregedor e ouvidor do TRT 11ª Região, Audaliphal Hildebrando, a previsão é que a corrida das ouvidorias tenha, pelo menos, um mil pessoas inscritas. O evento será aberto à comunidade em geral e os primeiros colocados receberão premiações que também estão em fase de definição. Ele ainda informa que o percurso da corrida será de cinco quilômetros, com início e término na avenida Coronel Teixeira (Estrada da Ponta Negra), no trecho da Praia da Ponta Negra, zona oeste da capital. “A ideia é envolver o máximo de órgãos que integram as diversas áreas de atuação como pessoas com deficiências, de enfrentamento à exploração e ao abuso infantil, entre outros, para que a população conheça os serviços disponibilizados pelo poder público. Acredito que juntos podemos contribuir para tornar o país melhor”, disse.

FOTO: DIVULGAÇÃO/CGE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here