Take a fresh look at your lifestyle.

Covid-19 – Amazonas registra 999 novos casos da doença na véspera de Natal

18 óbitos foram confirmados

-publicidade-

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), por meio do Boletim Diário de Covid-19, edição de nº 265, traz o diagnóstico de 999 novos casos de Covid-19, totalizando 195.405 casos da doença no Estado.

Segundo o boletim, foram confirmados 18 óbitos por Covid-19, sendo nove ocorridos no dia 23/12 e nove óbitos foram encerrados por critérios clínicos, de imagem, clínico-epidemiológico ou laboratorial, elevando para 5.151 o total de mortes.

Na capital, de acordo com dados da Prefeitura de Manaus, nesta quarta-feira (23/12), foram registrados quatro sepultamentos por Covid-19. O boletim acrescenta ainda que 23.399 pessoas com diagnóstico de Covid-19 estão sendo acompanhadas pelas secretarias municipais de saúde, o que corresponde a 11,97% dos casos confirmados ativos.

Rede de Assistência – Entre os casos confirmados de Covid-19 no Amazonas, há 588 pacientes internados, sendo 354 em leitos (99 na rede privada e 255 na rede pública), 224 em UTI (72 na rede privada e 152 na rede pública) e 10 em sala vermelha, estrutura voltada à assistência temporária para estabilização de pacientes críticos/graves para posterior encaminhamento a outros pontos da rede de atenção à saúde.

Há ainda outros 116 pacientes internados considerados suspeitos e que aguardam a confirmação do diagnóstico. Desses, 71 estão em leitos clínicos (45 na rede privada e 26 na rede pública), 41 estão em UTI (24 na rede privada e 17 na rede pública) e quatro em sala vermelha.

Banco de dados – O boletim diário é construído com as informações disponibilizadas diariamente pelas prefeituras municipais, todos os dias da semana, incluindo fins de semana e feriados.

A consolidação dos casos notificados no Amazonas é realizada pela FVS-AM, a partir de informações obtidas em três sistemas: e-SUS Notifica, Sistema de Informação da Vigilância Epidemiológica da Gripe (Sivep-Gripe) e o Gerenciador de Ambiente Laboratorial (GAL), até às 10h de cada dia. Em Manaus, foram notificados 240.177 casos, enquanto no interior do Estado, o número chega a 253.156.

Ao todo, nove municípios não atualizaram o sistema de informação para consolidação dos dados do boletim. São eles: Eirunepé, Itapiranga, Japurá, Juruá, Lábrea, Maués, São Paulo de Olivença, Pauini e Tapauá.

Municípios – Dos 195.405 casos confirmados no Amazonas, até esta quinta-feira (24/12), 78.839 são de Manaus (40,35%) e 116.566 do interior do Estado (59,65%).

Além da capital, os 61 municípios têm casos confirmados: Coari (8.276); Parintins (7.209); São Gabriel da Cachoeira (4.990); Tefé (4.881); Humaitá (4.541); Manacapuru (4.528); Presidente Figueiredo (3.856); Carauari (3.722); Lábrea (3.635); Iranduba (3.107); Barcelos (2.965); Itacoatiara (2.862); Eirunepé (2.698); Ipixuna (2.684); Santa Isabel do Rio Negro (2.356); Maués (2.264); Careiro (2.210); São Paulo de Olivença (2.119); Rio Preto da Eva (2.075); Tabatinga (2.036); Boca do Acre (2.014); Benjamin Constant (1.798); Manicoré (1.678); Autazes (1.628); Itapiranga (1.620); Atalaia do Norte (1.594); Nova Olinda do Norte (1.514); Pauini (1513); Barreirinha (1.482); Urucurituba (1.439); Alvarães (1.429); Santo Antônio do Içá (1.351); Tapauá (1.333); Anori (1.296); Fonte Boa (1.181); Anamã (1.146); Maraã (1.097); Novo Airão (1.096); Beruri (1.089); Uarini (1.079); Amaturá (1.035); Envira (1.022); Guajará (995); Nhamundá (967); Urucará (945); Borba (927); Novo Aripuanã (879); Silves (795); Canutama (788); São Sebastião do Uatumã (742); Tonantins (716); Manaquiri (706); Itamarati (608); Japurá (594); Boa Vista do Ramos (589); Juruá (577); Jutaí (576); Apuí (470); Careiro da Várzea (449); Codajás (408) e Caapiranga (387).

Óbitos – Entre pacientes em Manaus, há o registro de 3.289 óbitos confirmados em decorrência do novo coronavírus. No interior, são 61 municípios com óbitos confirmados até o momento, totalizando 1.862.

A lista inclui Manacapuru (172); Parintins (160); Coari (131); Tefé (105); Itacoatiara (95); Tabatinga (88); Humaitá (83); Iranduba (60); São Gabriel da Cachoeira (58); Maués (49); Benjamin Constant (46); Lábrea (44); Autazes (38); Presidente Figueiredo (37); Manicoré (36); São Paulo de Olivença (31); Nova Olinda do Norte (29); Barcelos (28); Santo Antônio do Içá (28); Barreirinha (27); Careiro (25); Rio Preto da Eva (24); Alvarães (23); Borba (23); Carauari (23); Manaquiri (23); Santa Isabel do Rio Negro (21); Tonantins (21); Fonte Boa (20); Boca do Acre (18); Anori (17); Jutaí (17); Nhamundá (17); Guajará (16); Urucará (15); Novo Aripuanã (14); Uarini (14); Beruri (12); Eirunepé (12); Ipixuna (12); Itapiranga (12); Novo Airão (12); Urucurituba (11); Amaturá (10); Codajás (10); Tapauá (10); Caapiranga (9); Juruá (8); São Sebastião do Uatumã (8); Boa Vista do Ramos (7); Itamarati (7); Maraã (7); Silves (7); Canutama (6); Careiro da Várzea (6); Pauini (6); Apuí (5); Atalaia do Norte (4); Envira (2); Japurá (2) e Anamã (1).

Medidas Restritivas – O Governo do Amazonas publicou decreto dispondo sobre o funcionamento dos órgãos e entidades da administração direta e indireta do Poder Executivo Estadual, no período de 26 de dezembro de 2020 a 10 de janeiro de 2021, como medida de enfrentamento da Covid-19.

Para o decreto foi levado em consideração a necessidade de estabelecer novas medidas sanitárias, propostas pelo Comitê Intersetorial de Combate e Enfretamento da Covid-19, de modo a garantir a contenção da elevação dos casos, no âmbito do Estado do Amazonas, e a consequente redução dos indicadores técnicos referentes à transmissibilidade do vírus e de internações na rede pública e privada de saúde.

Referência – A FVS-AM é responsável pela Vigilância em Saúde do Amazonas e atua no monitoramento de doenças no estado. A instituição funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na avenida Torquato Tapajós, 4.010, Colônia Santo Antônio, Manaus.

-publicidade-