Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Critérios para vacinação contra Covid-19 são apresentados na 5ª Assembleia Ordinária do CMS

Os critérios de seleção dos grupos prioritários para vacinação contra a Covid-19 foi um dos temas abordados na 5ª Assembleia Geral Ordinária do Conselho Municipal de Saúde (CMS/Manaus), realizada na manhã desta quarta-feira, 26/5, no auditório do Complexo de Saúde Oeste, no conjunto Santos Dumont, bairro da Paz.

O tema foi apresentado pela diretora do Departamento de Vigilância Ambiental e Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde (Devae/Semsa), enfermeira Marinélia Ferreira, que mostrou na apresentação questões como os critérios para a escolha de grupos prioritários para a vacinação e as etapas do desenvolvimento da campanha.

A diretora explicou que os grupos prioritários para vacinação contra a Covid-19 são definidos pelo Ministério da Saúde, a partir de critérios de nível de maior risco para a morbidade, que é o adoecimento, e para mortalidade pela Covid-19.

“São critérios comprovados por estudos e pesquisas já disponíveis. O ideal seria vacinar a população em geral, mas ainda não existe imunobiológico em quantidade suficiente disponível no país e por isso é necessário estabelecer as prioridades para proteger a população que tem maior risco de adoecer gravemente e morrer por Covid-19. Então, hoje a intenção da Prefeitura de Manaus é avançar o mais rápido possível na imunização dos grupos prioritários, que é a orientação do próprio Ministério da Saúde, para depois ampliar a vacinação”, afirmou Marinélia Ferreira, que também atua como conselheira municipal de saúde, representando o segmento da gestão do Sistema Único de Saúde (SUS).

Até a manhã desta quarta-feira, segundo dados do Vacinômetro Covid-19 Manaus, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) aplicou 647.715 doses de vacina contra a Covid-19, sendo 383.610 em primeira dose e 264.105 em segunda dose, incluindo a imunização de grupos de idosos, trabalhadores de saúde, trabalhadores de educação, pessoas com comorbidade, pessoas com deficiência, povos e comunidades tradicionais, gestantes e puérperas com comorbidade e povos indígenas.

“A apresentação sobre a campanha de vacinação contra a Covid-19 na Assembleia Ordinária foi uma solicitação dos conselheiros, já que o CMS recebe questionamentos sobre o assunto. E é importante esclarecer para os próprios conselheiros, que assim podem divulgar e explicar para a população”, afirmou o presidente em exercício do CMS/Manaus, conselheiro Jason dos Santos Marinho.

Homenagem

Durante a Assembleia, também houve uma homenagem póstuma à conselheira Maria Rita Teixeira dos Santos, que assumiu o cargo de conselheira em junho de 2015 como representante do segmento de trabalhadores pelo Sindicato dos Trabalhadores da Saúde, e ocupou a presidência do CMS entre 3 de julho de 2020 e 11 de maio de 2021; e ao conselheiro Júlio Farias de Souza, representante suplente no segmento dos usuários da Organização de Moradores da Zona Norte, em mandato no triênio 2018-2021.

Na homenagem aos dois conselheiros, mortos neste mês de maio, houve a entrega de certificado aos representantes das famílias, em reconhecimento pelos relevantes serviços prestados à população de Manaus, na função de conselheiros municipais de saúde e em defesa do SUS.

Texto – Eurivânia Galúcio / Semsa

Foto – Divulgação / Semsa

-publicidade-