Take a fresh look at your lifestyle.

David Almeida e Marcos Rotta fazem visita em áreas com erosão nos bairros Mauzinho e Cidade de Deus

-publicidade-

O prefeito de Manaus, David Almeida, ao lado do vice-prefeito e titular da secretaria municipal de Infraestrutura (Seminf), Marcos Rotta, visitou, na manhã deste domingo, 24/1, duas áreas com erosão nos bairros Mauzinho e Cidade de Deus, localizados nas zonas Sul e Norte da cidade, respectivamente. Por meio da Seminf, a Prefeitura de Manaus irá realizar os trabalhos de recuperação dos locais de forma emergencial, para evitar novos desbarrancamentos.

Desde a última quarta-feira, 20/1, equipes da prefeitura estão trabalhando na recuperação de aproximadamente 40 metros de erosão em um trecho da rua Manoel Henrique Ribeiro, bairro Mauazinho. A obra recebeu mais de 150 metros de drenagem profunda, caixas coletoras, que dão a vazão correta às águas pluviais, além da limpeza da área. O local também irá receber terraplanagem para conter de forma definitiva as constantes erosões decorrentes das fortes chuvas.

De acordo com o prefeito David Almeida, o mesmo serviço será realizado na rua Corinthians, no Cidade de Deus, atendendo à necessidade da população.

“Essas são solicitações antigas da população que se agravaram em janeiro. Estamos com o vice-prefeito Marcos Rotta, Defesa Civil e Casa Militar, para analisar a área, a fim de poder formalizar um processo para iniciar e solucionar esses problemas”, disse o prefeito.

Marcos informou que a orientação passada pelo prefeito David Almeida é de que a Seminf e a Defesa Civil encontrem todos os meios legais para fazer a recuperação e a recomposição dessas áreas na cidade de Manaus.

“Vamos nos debruçar a respeito desses dois pontos. Nós sabemos que temos outros pontos na cidade de Manaus nesta mesma situação, e a orientação do prefeito é de que a gente trabalhe de manhã, à tarde, à noite, de madrugada, para tirar essas pessoas dessas áreas onde se encontram e, sobretudo, levar segurança a essas áreas na cidade de Manaus e recompô-las”, concluiu.

Auxílio

No entorno da erosão localizada no Mauazinho, algumas casas foram afetadas, e os moradores foram retirados da área por meio da Defesa Civil do Município e inscritos no programa do auxílio-moradia da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc).

Moradora da área há mais de 30 anos, Fátima Conceição teve a casa comprometida. Para ela, o serviço de reaterro da via traz esperanças de voltar a morar no antigo imóvel.

“Estou no aluguel-social há quase um ano, e ver as equipes e maquinário trabalhando no ‘buracão’ me traz esperanças de poder ter minha casa de volta, é o que mais quero”, afirma.

Texto – Thiago Fernando / Semcom

Foto – Dhyeizo Lemos / Semcom

-publicidade-