Defensoria destaca várias desistências de separação durante a Semana da Conciliação no interior do Estado

Três processos de divórcio cujos casais desistiram de se separar, um pai que voltou a falar com a filha depois de um ano brigados e também um que o filho de 12 anos perdoou o pai e deu um abraço nele, foram alguns dos casos atendidos no município de Parintins durante a Semana Nacional de Conciliação, encerrada nesta sexta-feira (9).

Em Itacoatiara em três Varas onde aconteceram as audiências, foram realizados 164 acordos, informou a defensora Natasha Yukie Hara. No município de Juruá, foram realizadas mais de 70 audiências também vinculadas à Semana de Conciliação, informou a defensora Kanthya Pinheiro de Miranda.

Audiências – Com um índice de mais de 75% de acordos nas audiências, o coordenador do Polo da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM), defensor público Inácio Navarro, comemorou os resultados e também um fato inédito. “As audiências de conciliação da 2ª Vara ocorreram na sede da Defensoria. Pela primeira vez, uma Vara de Justiça realizou suas audiências dentro do prédio da Defensoria”, revelou o defensor.

Foram realizadas 20 audiências diariamente da 2ª Vara e mais 50 audiências extrajudiciais na DPE, com 35 acordos desse total”, disse Navarro, completando que essas audiências ocorreram paralelamente às da Semana da Conciliação. Houve a participação de todos os defensores do polo, destacou o coordenador.

Em Itacoatiara, a defensora pública Natasha Yukie Hara explicou que os casos mais comuns foram na área de família como pensão de alimentos, guarda e divórcios.

FOTO: DIVULGAÇÃO/DPE-AM

Compartilhe