Delegacia de Combate à Corrupção indicia suspeitos de envolvimento em roubo de 268 itens da Secretaria Municipal de Saúde

Entre os objetos estão aparelhos médicos, televisores, materiais odontológicos, entre outros

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Combate à Corrupção (Deccor), indiciou na manhã desta quarta-feira (30/06), Andrew Robson Neves Mendonça, 38; e Carlos Antônio Pereira de Souza, 58, pelo crime de peculato, e cumpriu mandado de busca e apreensão para a casa deles. A dupla está sendo investigada por subtrair 268 itens pertencentes à Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

Entre os objetos subtraídos estão condicionadores de ar, aparelhos esfigmomanômetros, estetoscópios, televisores, bebedouros, cadeiras e materiais odontológicos, de manutenção, limpeza e de escritório.

De acordo com o delegado Guilherme Torres, titular da Especializada, os indivíduos são servidores da Semsa e atuaram em conjunto na prática do crime de peculato.

“Tomamos conhecimento sobre o fato após representantes da secretaria registrarem uma denúncia na qual comunicava sobre o delito. Passamos a investigar a dupla a fim de elucidar o caso”, disse o delegado.

Segundo a autoridade policial, durante as investigações, foi possível identificar os servidores por meio do circuito interno de câmeras de segurança do local, onde os mesmos foram filmados no momento em que estavam praticando o crime.

Após a identificação dos autores, foi solicitada à Justiça o mandado de busca a apreensão para o endereço deles, e a ordem judicial foi expedida no dia 23 de junho, pela juíza Careen Aguiar Fernandes, da Central de Inquéritos.

Procedimentos – Andrew e Carlos foram indiciados por peculato e permanecerão à disposição da Justiça.

Foto: Erlon Rodrigues/PC-AM.